header top bar

section content

Auge da sujeira ou começo da limpeza?

23/10/2015 às 20h59

Por Fernando Caldeira

Nunca neste Brasil se viu tanta investigação, tanto processo e tanta sentença de prisão por corrupção. Pergunta-se: isso é bom ou é mau? Na minha visão é bom porque mostra um país com suas instituições plenamente livres e atuantes, fazendo justiça!

Talvez antes não tivéssemos instituições plenamente livres e atuantes e, assim, que não faziam justiça. Sim, porque, corrupção sempre houve! Ou alguém é tão ingênuo para imaginar que esse mal é cria da contemporaneidade? Ledo engano, “a corrupção é uma velha senhora”, como bem afirmou Dilma Rousseff.  

Há um detalhe em toda essa história envolvendo a Petrobrás que precisa ficar claro: a seriedade da Polícia Federal, que tem cumprido seu mister com absoluto profissionalismo. Palmas para a PF. Claro, palmas. Mas, como todo e qualquer órgão público, a PF está subordinada a alguém. E embora muitos não gostem e outros muitos buscam ignorá-la quando não escondê-la, a verdade é que a Polícia Federal se subordina ao Ministério da Justiça, cujo titular é escolhido e nomeado pela Presidência da República.
Assim, se concordamos no trabalho profissional da PF e nos aplausos que ela efetivamente merece, temos de também concordar que para isso concorre a Presidenta Dilma Rousseff. Afinal, é dela a indicação e nomeação do sr. José Eduardo Dutra, Ministro da Justiça.

A Presidenta escolhe o Ministro e este escolhe o Diretor Geral da PF, que conduz o seu funcionamento e atuação. Logo, não dá para orgulhar-se e aplaudir a Polícia Federal sem ter o mesmo posicionamento em relação ao seu Diretor Geral, o Ministro da Justiça e a Presidenta da República! Aplaudir a atuação da PF desvinculando-a da Presidenta Dilma, é o mesmo que rezar o Pai Nosso sendo ateu. Não dá!

Desta forma, faço minhas as palavras do filósofo Mario Sérgio Cortella: “Não podemos perder o foco do que vivemos hoje no Brasil, que não é o auge da sujeira, mas o começo da limpeza.” 

S O L T A S

*O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB) gastou quase R$ 1 milhão só em diária nos últimos 10 meses. Dá R$ 100 mil por mês, ou R$ 25 mil por semana ou ainda R$ 3,3 mil por dia. 

*No mesmo TCE-PB verificou-se a prática de acumulação de férias da maioria de seus conselheiros com “venda” de metade delas, o que é proibido no serviço público. Conclusão: teve conselheiro que num único mês recebeu como proventos mais de 350 mil reais. Pode isso, Arnaldo?

*A Cagepa de Cajazeiras precisa agir com a máxima urgência contra o desperdício d´água na terra de padre Rolim. A construção civil continua utilizando água potável, enquanto a água rareia no açude de Boqueirão. Alô Cagepa!!!

*Zé Aldemir prefeito e Vituriano vice, pode ser uma chapa na disputa pela Prefeitura de Cajazeiras. Denise prefeita e Júnior vice, deve ser outra. Gobira prefeito e vice ainda por se definir, é uma interrogação!

*Neste domingo (25) teremos o ‘Debates Populares’ no Trem das Onze, com Mariana Moreira, José Maria Gurgel, Rivelino Martins, padre Francivaldo e Adalberto Nogueira. 

Fernando Caldeira

Fernando Caldeira

Jornalista profissional em diversas emissoras de rádio e jornais da Paraíba, atualmente é articulista do Gazeta do Alto Piranhas (Cajazeiras), produtor e apresentador do programa Trem das Onze, apresentado aos domingos pela Rádio Alto Piranhas, colunista dos portais diariodosertão, politicapb, obeabadosertao, canalnoite, e mantém na internet o portal www.fernandocaldeira.com.br

Contato: caldeira.fernando@bol.com.br

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan

Fernando Caldeira

Fernando Caldeira

Jornalista profissional em diversas emissoras de rádio e jornais da Paraíba, atualmente é articulista do Gazeta do Alto Piranhas (Cajazeiras), produtor e apresentador do programa Trem das Onze, apresentado aos domingos pela Rádio Alto Piranhas, colunista dos portais diariodosertão, politicapb, obeabadosertao, canalnoite, e mantém na internet o portal www.fernandocaldeira.com.br

Contato: caldeira.fernando@bol.com.br