header top bar

Reudesman Lopes

section content

Fim da interiorização?

02/06/2016 às 18h33 • atualizado em 08/06/2016 às 18h38

Fim da interiorização?

Por Reudesman Lopes

Com profundo sentimento de tristeza, acabo de ver na internet, uma fala do presidente da Federação Paraibana de Futebol que, me soa, como uma determinação ao fim da interiorização do futebol paraibano. Sendo eu um cidadão do interior que acompanha a história do futebol da Paraíba, vivendo no alto sertão do nosso estado, o momento é de lamentação e contestação entendendo a gravidade do discurso do senhor Amadeu Rodrigues. Bem verdade que até que se concretize o desejo do mandatário da mentora paraibana, muita coisa vai e pode acontecer, entretanto, apenas o fato do levante, já nos causa arrepios, pela maneira que está sendo colocada e por quem deveria cuidar de dinamizar e massificar o esporte em seu território, aqui na Paraíba. Talvez, o nobre presidente da FPF não tenha o conhecimento da luta dos desportistas do interior em poder contar com a representatividade futebolista da sua cidade em uma competição de futebol profissional em seu estado e por isso não sabe dimensionar o que é ter um clube em uma disputa tão importante e o que isso representa para a população desta cidade. Não podemos entender que a falta de organização e consequentemente de um planejamento que deveria ser atribuição de uma entidade, possa, punir com a exclusão de participação, postulantes a um campeonato. Se não acontecer um plano detalhado e minuciosamente trabalhado, a nossa opinião é que minimizar ou maximizar o campeonato paraibano não terá nenhum efeito ao final, ou seja, continuaremos a ver o alongamento da competição, jogos sendo adiados e alterados sem o menor sentido, árbitros sendo trocados em determinadas partidas. Também, somos contra a participação de clubes que não tenham a menor condição de sediar os seus jogos, que isso fique bem claro aos nossos leitores, entretanto, vale salientar que, mesmo na elite do futebol paraibano, jogar em alguns campos que são chamados de estádios se torna um perigo e uma afronta à segurança de jogadores, torcedores e até nossa, imprensa. Se enxugar o campeonato fosse um sinal de organização e de uma competição imparcial, ai sim, poderia ser que em um futuro bem próximo, o futebol paraibano estivesse brigando em condições de igualdades com adversários que hoje são infinitamente superiores dentro e fora de campo, para que após décadas tivéssemos um dos nossos representantes na série b do brasileirão, mas, perdurando essa política da parcialidade e a nossa entidade “enxergando” os ditos “grandes”, não vamos a lugar nenhum. A torcida fica para que Amadeu possa repensar a extinção de sonho do futebol interiorano.

Série D
A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) finalmente divulgou a tabela completa da Série D do Brasileiro, incluindo as duas equipes da Paraíba que vão disputar o torneio. O Campinense, finalista do Campeonato Paraibano, está no Grupo A9, ao lado de Fluminense de Feira, Murici (Alagoas) e Sergipe. Já o Sousa está no Grupo A7, junto com América-PE, Galícia (Bahia) e Globo FC. A Série D do Brasileiro começa no dia 12 de junho. E o Campinense vai viajar até Alagoas para enfrentar o Murici. Já o Sousa estreia em casa contra o Globo FC. As duas partidas acontecem às 16h.

Prestigiando
Quem não perde uma final de campeonatos e ou torneios realizados em Cajazeiras é o Vice Prefeito Junior Araújo. Reconhecidamente um grande desportista assumido, Junior é um dos torcedores mais apaixonado pelo Atlético Cajazeirense de Desportos e faz sempre questão de ir ao campo ou a quadra para ver os atletas desta cidade em ação. Nas finais, lá este ele, bem na foto e no filme, sempre entregando ao campeão a premiação que lhe cabe. Ressalte-se aqui, o excelente trabalho de Everaldo que conta com o apoio da Prefeita Denise.

BOLA DENTRO
Para o Sousa Esporte Clube que ao completar 20 anos de sua fundação, graças a competência do presidente Aldeone Abrantes figura mais uma vez como um clube na disputa de um campeonato nacional, agora a Série D. Parabéns ao Dino e a NOTA 10!

BOLA FORA
Para o presidente da FPF Amadeu Rodrigues pela sua tentativa de “matar” a interiorização do futebol paraibano. Quem deveria mais trabalhar em dinamizar o futebol no seu Estado é justamente no contrário que pensa. Reprovado com uma NOTA 0!

Reudesman Lopes

Reudesman Lopes

Contato: reudesman@bol.com.br

ENTREVISTA BOMBÁSTICA

VÍDEO: Declarações polêmicas e provocações marcam o programa Xeque-Mate com o ex-prefeito Carlos Antônio

VÍDEO

Ex-aliado diz que prefeito de Cajazeiras forma “organização criminosa” e aponta gordas gratificações

DIÁRIO ESPORTIVO

Confira o resumo da rodada no programa Diário Esportivo com Luiz Júnior

XEQUE MATE

VÍDEO: Carlos Antonio declara pela 1ª vez publicamente apoio a Júnior Araújo; “é cancela fechada”

Reudesman Lopes

Reudesman Lopes

Contato: reudesman@bol.com.br