header top bar

José Ronildo

section content

Leitos perdidos

08/06/2017 às 19h14 • atualizado em 08/06/2017 às 19h15

(Foto ilustrativa: MS/RJ-08/2010)

Nos últimos cinco anos, a Paraíba perdeu 687 leitos do Sistema Único de Saúde, caindo de 8.444 unidades (fevereiro/2012) para 7.757 (maio/2017). Os dados são do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (Cnes), do Ministério da Saúde. No mesmo período, apesar da crise que rondou hospitais privados e planos de saúde, os leitos ‘não SUS’ cresceram de 1.630 para 1.855, um saldo positivo de 225 leitos.

No geral (redes pública e privada), a Paraíba tem hoje 9.612 leitos, sendo 81% atendendo pacientes do SUS. Em fevereiro de 2012, eram 10.074, ou seja, 462 a mais. O Cnes divide os leitos em sete tipos e em apenas um deles (leitos complementares) o SUS teve um saldo positivo.

Nesta categoria, foram 71 leitos a mais em unidades de tratamento intensivo (UTIs) e de cuidados intermediários (UCIs) e leitos de isolamento. Os privados e da saúde suplementar também cresceram nessa categoria: 52 novos.
Em relação aos leitos cirúrgicos (que incluem buco-maxilo-facial, cardiologia, cirurgia geral, ginecologia, neurocirurgia, oncologia, transplantes e outros), foram 35 leitos SUS a menos. Já os leitos não SUS para cirurgia tiveram um aporte de 37 unidades. No tipo ‘leitos clínicos’ (que também conta com várias especialidades, como cardiologia, geriatria, hematologia, neonatologia, neurologia e pneumologia), o SUS perdeu 101 unidades.

A pediatria é uma das áreas mais carentes de assistência e foi a área que mais perdeu leitos clínicos pelo SUS: 273. Os leitos cirúrgicos pediátricos privados se mantiveram em 96 unidades. Já em obstetrícia (cirúrgica e clínica), o SUS perdeu 92 leitos, enquanto a rede privada teve um aporte de 22. As perdas também atingiram outras especialidades que atendem doentes crônicos e pessoas com doenças mentais, por exemplo. Nesta, foram 256 a menos.

Empreender Mulher

O Programa “Empreender Mulher” desenvolvido e coordenado pela Secretaria Executiva do Desenvolvimento Econômico, da Prefeitura de Cajazeiras, que tem à frente a Secretária Executiva, Daianny Kelly Valêncio de Oliveira, entregou em solenidade realizada no Centro Administrativo Municipal, R$ 100.000,00 (cem mil reais), para (cinquenta) mulheres contempladas por meio de capacitação feita pelo SEBRAE, para ampliar seus negócios ou abrir novos negócios.

Mutirão

A Secretaria Municipal de Saúde de Cajazeiras realizou nos últimos dias 1 e 2 de junho, na Policlínica Orcino Guedes, triagem para avaliação de pacientes com problemas na visão. Foram atendidas o total de 503 pessoas, sendo que 364 serão submetidas a cirurgia de catarata (uma opacidade parcial ou total do cristalino). Após a triagem, os pacientes foram encaminhados para a realização de exames de risco cirúrgico.

Rápidas

* As fotografias nas redes sociais do ex-prefeito Carlos Antonio acompanhando Júnior Araújo em aniversários de correligionários pela zona rural e visitas, atendendo pedidos de correligionários, para anunciar apoio ao ex-vice-prefeito, deixa claro sua opção para deputado estadual, em 2018.

*Jeová Campos anunciou que fará dobradinha política em Cajazeiras e onde for possível, com o deputado Gervásio Maia.

José Ronildo

José Ronildo

Contato: altopiranhas@uol.com.br

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Fonte de água da vida e o Pr. Nilton

ENTREVISTA BOMBÁSTICA

VÍDEO: Declarações polêmicas e provocações marcam o programa Xeque-Mate com o ex-prefeito Carlos Antônio

VÍDEO

Ex-aliado diz que prefeito de Cajazeiras forma “organização criminosa” e aponta gordas gratificações

DIÁRIO ESPORTIVO

Confira o resumo da rodada no programa Diário Esportivo com Luiz Júnior

José Ronildo

José Ronildo

Contato: altopiranhas@uol.com.br