header top bar

section content

O adeus a Rosa, Nazarene

15/10/2015 às 17h31

Quando João Lacerda e Sinhá escolheram o nome Rosa Maria a ser registrado a sua filha que, para nós, tornou-se Nazarene, Lene, Bem, o fizeram dentro de um acerto que só as bênçãos divinas têm as suas explicações. Tivemos a honra e a felicidade de conhecê-la ainda no auge da sua adolescência e no fervor da juventude. O favorecimento desta eterna amizade, que mais tarde tornou-se irmandade e logo fora transformada em uma mãe para nós, deveu as proximidades das nossas residências lá na praça do espinho e o namoro depois casamento do nosso tio Nielson com a sua irmã Nazarete. 

Mas, o aprofundamento a esse lado familiar com Lene (Nazarene), tornou-se um vinculo muito forte quando após nosso casamento com Edinilza, termos ido morar na mesma rua de Bem (Nazarene) já ali casada com Erisvaldo, isso na Rua Pedro Américo, ali formavam uma só casa, uma amizade imensa. As meninas começaram a nascer, pelo nosso lado chegava Maíra e pelo lado de Nazarene, Perpetúa, na mesma idade, logo se tornaram mais que amiguinhas, irmãs, estudavam no mesmo colégio, na mesma sala. E a amizade entre nós aumentando cada vez mais. 

Como sempre somos “festeiros” alegres a comemorar datas como São João, Natal, Fim de Ano e vai por ai afora, as presenças da turma de Erisvaldo e Nazarene era prego e ponta virada, não podiam faltar, não faltavam. Os anos se passam, compramos um terreno e este virou uma casa aqui por detrás do Higino Pires Ferreira, e viemos morar nestas bandas. Seria um adeus aos amigos irmãos? Que nada, de repente, Erisvaldo e Nazarene cá estavam sendo agora os nossos vizinhos. 

Uma alegria imensa, para nós e a meninada toda, uma festa de agradecimentos a Deus por tê-los enviados até nós. Tudo isso, que descrevi até aqui, é para dizer a Deus e aos santos dos céus, obrigado, obrigado por ter colocado em nossos caminhos, em nossas vidas, uma mulher guerreira, de fibra, valente, que nos momentos que agonizava pela saúde tão fragilizada levantava a bandeira da fé do amor a Deus a sua família e aos seus amigos. Pois bem Nazarene, sei que vamos sentir muitas saudades suas, dos seus chamados de: “Vizinho, tem um bolinho aqui com o café bem quentinho”. Lene (Nazarene), o que nos conforta neste momento de sua ida a eternidade é saber que pela exemplar vida com Deus, da fé que tivestes, pela sua conduta de filha, esposa, mãe, avó, tia e sogra e pelos amigos e amigas que aqui zelam em orações por ti, todos, somos sabedores que estás ao lado do nosso pai eterno. Adeus Rosa Nazarene, fica com Deus. 

Proposta do Belo
O Botafogo-PB revelou que já tem uma proposta de campeonato para o paraibano 2016. O Belo quer fazer uma disputa regionalizada para conter gastos obedecendo o calendário da CBF. A proposta do Belo é dividir os dez clubes em dois grupos de cinco. Em uma chave ficaria os times do Sertão mais um clube de Campina Grande. Já os times do Litoral mais um de Campina Grande ficariam no outro grupo. Em cada chave, três times passariam para a fase de mata-mata. O vencedor de cada mata-mata mais o perdedor de melhor campanha, somadas as duas fase, avançariam para as semifinais. Os melhores das semifinais decidiriam o título estadual.

Expectativa
Torcedores do Atlético Cajazeirense de Desportos e do Paraíba Esporte Clube começam a viver momento de expectativa quanto ao anuncio de início de temporada do futebol 2016, contratações e formação das suas comissões técnicas para o campeonato paraibano do próximo ano. Enquanto que o Paraíba Esporte Clube pode manter o comando que trouxe o clube de volta a elite do futebol estadual, isto é ter Tazinho como treinador, o Trovão Azul do Sertão ainda não oficializou o nome do seu comandante. Nos bastidores, o comentário é que o Mais Querido do Sertão tem uma lista de seis nomes e desta deverá sair o seu treinador. Atlético e Paraíba estão trabalhando em absoluto silêncio.

BOLA DENTRO
Para a movimentação do Paraíba e do Atlético visando o campeonato paraibano 2016. Estão calados, sim. Mas, estão trabalhando sério. Assim, juntos, vai a NOTA 10!

BOLA FORA
Para nós brasileiros. Bastou “aquela” seleção ganhar da Venezuela 3 a 1, que a nossa imprensa já a coloca como uma das melhores do mundo. Por isso que vamos continuar colecionando vexames. NOTA 0!

Reudesman Lopes

Reudesman Lopes

Professor da UFCG de Educação Física, Comentarista Esportivo da Rádio Alto Piranhas e Colunista Esportivo do Jornal Gazeta do Alto Piranhas

Contato: reudesman@bol.com.br

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan

Reudesman Lopes

Reudesman Lopes

Professor da UFCG de Educação Física, Comentarista Esportivo da Rádio Alto Piranhas e Colunista Esportivo do Jornal Gazeta do Alto Piranhas

Contato: reudesman@bol.com.br