header top bar

section content

Seres vivos previsores do tempo

01/11/2016 às 19h30

Biometeorologia ou Biofísica Ambiental é a área do conhecimento que estuda a influência do tempo e do clima no organismo dos seres vivos em geral. Ao longo de vários anos de pesquisas e estudos, tornou-se possível comprovar cientificamente que alguns seres vivos são capazes de prever mudanças nas condições do tempo, isso porque são dotados de um sensor que indica com antecipação a ocorrência de fenômenos como, por exemplo, a chuva.

Dessa forma, aranhas, escorpiões, formigas, sapos e pássaros são denominados previsores do tempo, pois quando uma mudança no tempo está prestes a ocorrer, esses seres mudam rapidamente de comportamento.

O habitat natural das aranhas, principalmente as tarântulas, e escorpiões são os lageiros pedregosos e as matas. No entanto, para quem vive principalmente na zona rural, é comum se deparar com esses seres dentro de casa quando está prestes a chover, e muitas vezes os acidentes tornam-se inevitáveis, já que tais organismos para fugirem do perigo acarretado pela enxurrada acabam invadindo as residências seguindo o instinto de sobrevivência.

No caso das formigas, observa-se um intenso trabalho de transporte de alimento, que é estocado para que o formigueiro possa enfrentar o período chuvoso. O incansável trabalho das formigas guardando comida é um indício de que a chuva deve chegar dentro de poucos dias.

No caso dos sapos, estes ficam coaxando de preferência à noite, indicando que o tempo deve mudar diante da ocorrência da chuva.

De uma forma geral, muitos seres vivos têm também a capacidade de preverem uma mudança de estação do ano, por isso existem as chamadas aves migratórias, que se deslocam, por exemplo, das regiões temperadas do globo durante o outono, para fugirem do frio e escassez de alimentos provocados pelo inverno, e chegam a regiões mais quentes próximas ao equador da terra, onde o calor e o alimento são abundantes.

Rodrigo Cézar Limeira – Portal Ciência em Foco (www.cienciaemfoco.com)

Rodrigo Limeira

Rodrigo Limeira

Rodrigo Cézar Limeira
Formado em Física pela Faculdade Chaffic – São Paulo/SP – 2012;
Formado em Meteorologia pela UFCG – C. Grande/PB – 2006;
Mestre em Meteorologia pela UFCG – C. Grande/PB – 2008;
Físico do NEPEN (Núcleo de Estudos e Pesquisas do Nordeste) de Julho de 2012 à Março de 2015, Editor do Portal Ciência em Foco: (www.cienciaemfoco.com) e Consultor de Clima da Empresa Federal Energia desde Dezembro de 2015.

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os organizadores do 1º Eco pedal e o garoto prodígio do futebol Luiz Felipe

Rodrigo Limeira

Rodrigo Limeira

Rodrigo Cézar Limeira
Formado em Física pela Faculdade Chaffic – São Paulo/SP – 2012;
Formado em Meteorologia pela UFCG – C. Grande/PB – 2006;
Mestre em Meteorologia pela UFCG – C. Grande/PB – 2008;
Físico do NEPEN (Núcleo de Estudos e Pesquisas do Nordeste) de Julho de 2012 à Março de 2015, Editor do Portal Ciência em Foco: (www.cienciaemfoco.com) e Consultor de Clima da Empresa Federal Energia desde Dezembro de 2015.