header top bar

section content

Traficantes são presos em ônibus da Gontijo com cocaina, crack e contrabandos

As prisões aconteceram na manhã desta terça-feira(12) e os 4 presos foram encaminhados para a Delegacia da Policia Federal na cidade de Patos.

Por

13/05/2009 às 06h35

Polícia Rodoviária Federal prendeu nesta manhã de terça-feira (12) dois homens acusados de tráfico de entorpecente no município de Cajazeiras, região do sertão paraibano.

A ocorrência foi por volta das 08h00 no Posto da PRF localizado no km 513 da rodovia BR-230, onde numa fiscalização de rotina do Núcleo de Operações Especiais – NOE foram detidos Renato Rodrigues Ferreira, 22 anos e Luciano Januário dos Santos de 27 anos, que estavam transportando drogas.

Com Renato foram apreendidos 2,240 Kg de “crack”. Ele vinha como passageiro de um ônibus da empresa Gontijo que faz a linha São Paulo/SP – Patos/PB.

Já o Luciano foi pego com 195g de maconha, 0,48 g de cocaína e mais 90g de “crack”. Ele também estava como passageiro de outro ônibus, da empresa Progresso que faz a linha São Luiz/MA – Natal/RN.

A Dupla foi encaminhada para Delegacia de Polícia Federal na cidade de Patos.

Outras prisões

Ainda no Posto da PRF de Cajazeiras, outros dois passageiros de ônibus foram presos.

Um com mandado de prisão em aberto por execução de alimentos e a outra, Cícero Ferreira Caldas, 42 anos por contrabando.

Cícero possui três mandados de prisão em aberto expedidos pelas comarcas de São Paulo, Ceará e Bahia, todos pelo mesmo motivo. Com ele foram apreendidos mais de 500 relógios de pulso e dezenas de aparelhos MP6 e MP7.

As duas ocorrências foram encaminhadas para Delegacia de Polícia da cidade de Cajazeiras.

Fonte: Núcleo de Comunicação Social – PRF

PROCESSO DE MIGRAÇÃO

Diretor regional na Paraíba tira todas as dúvidas sobre abertura de novas contas dos servidores estaduais no Bradesco

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Sara Sheyla e Nelson Dantas

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview