header top bar

section content

Diretor de hospital do Sertão proíbe uso de telefone e de redes sociais durante plantões

A medida prevê punições para os funcionários que desrespeitarem a norma interna, tais como: advertência, suspensão e até dispensa por justa causa.

Por Luzia de Sousa

03/03/2016 às 16h09 • atualizado em 03/03/2016 às 16h10

Enfermeiras nas redes sociais (Foto: WhatsApp).

O diretor do Hospital Regional de Patos, Leudo Farias proibiu esta semana, o uso de telefone celular, smartphones, tablets e similares, por parte dos funcionários durante o expediente de trabalho. A determinação passa a vigorar a partir desse domingo (5).

Na justificativa, Leudo Farias disse que o uso do celular durante o trabalho passa mensagem negativa aos usuários, demonstrando mesmo que involuntariamente, descaso e despreparo no atendimento.

A medida prevê punições para os funcionários que desrespeitarem a norma interna, tais como: advertência, suspensão e até dispensa por justa causa.

“É prejudicial para o ambiente de trabalho, afeta a produtividade”, justificou a direção.

DIÁRIO DO SERTÃO

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares

ALÍVIO

VÍDEO: Presidente da OAB de Cajazeiras afirma que a Comarca de Bonito de Santa Fé não será mais fechada