header top bar

section content

Idosa é encontrada morta com tiro na cabeça enquanto vigiava armazém na zona rural de Piancó

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) em Patos, para realização do exame cadavérico.

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

05/07/2016 às 16h11

A vítima tinha 78 anos (Foto: Vale do Piancó Notícias)

Na manhã desta terça-feira (5), no sítio Gravatá, localizado na zona rural da cidade de Piancó, uma senhora foi encontrada morta, com um disparo na cabeça.

A família encontrou a idosa de 78 anos, Terezinha Luíza de Caldas, caída, e ao se aproximarem perceberam que a mesma já estava morta. Uma equipe do plano funerário que família tinha,  quando chegou ao local, percebeu que a mulher estava com um hematoma na cabeça e imediatamente acionaram a polícia. O próprio delegado Pereira foi até o local e confirmou a lesão na cabeça da idosa.

O responsável pelas investigações, o delegado Pereira foi até o local e confirmou a existência da lesão na cabeça da idosa. Segundo ele, a idosa estava dormindo desta em um armazém, próximo à sua residência, para vigiar alguns sacos de arroz vermelho, que se encontravam no local onde acabou morta. A primeira impressão é de um possível latrocínio, mas  os peritos que estiveram no local, desconfiam também que a mulher tenha sofrido abuso sexual, devido a alguns hematomas em seu órgão genital, e pediram um exame sexológico. O laudo sai dentro de alguns dias.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) em Patos, para realização do exame cadavérico.
DIÁRIO DO SERTÃO

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Fonte de Água da Vida

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na TV recebe diretamente do Rio Grande do Norte, Fábio Carvalho; CONFIRA!

XEQUE-MATE

VÍDEO: Vereador de Cajazeiras e educadores esclarecem polêmicas sobre a identidade de gênero nas escolas

DIÁRIO ESPORTIVO

Tudo sobre as novas contratações e a preparação dos times para o Campeonato Paraibano 2018