header top bar

section content

Nome do pré-candidato do grupo de oposição será anunciado no domingo em Sousa; Ricardo Coutinho estará presente. Veja os detalhes!

O evento contará ainda com as presenças dos pré-candidatos Fábio Tyrone (PSB), Zenildo Oliveira (PSD) e José Célio de Figueiredo

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

09/07/2016 às 10h30 • atualizado em 09/07/2016 às 10h35

Zenildo ao lado de Fábio Tyrone (foto: reprodução/WhatsApp)

No dia 13 de junho o bloco de oposição de Sousa decidiu pela unificação e a pesquisa eleitoral vai ser o critério para definir o pré-candidato do setor oposicionista.

Ficou definido que cada pré-candidato apresentaria uma pesquisa eleitoral e o nome de consenso será divulgado no domingo (10), dia do aniversário de emancipação política do município de Sousa.

Para a definição do nome, já está confirmado para o domingo a presença do governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), o evento para divulgação do pré-candidato da oposição será às 10h no auditório do Colégio Ação, localizado na Rua Bento Freire, no Centro da cidade.

O evento contará ainda com as presenças dos pré-candidatos Fábio Tyrone (PSB), Zenildo Oliveira (PSD) e José Célio de Figueiredo (PPS). Outras lideranças como João Estrela (PDT), secretário Lindolfo Pires, secretária Livânia Farias, presidente do diretório do PSB municipal, Tonquinho Figueiredo e demais integrantes da oposição participarão do encontro.

Na sexta-feira (08), os pré-candidatos Fábio Tyrone (PSB) e Zenildo Oliveira (PSD), tiveram um encontro na sede do diretório municipal do Partido Social Democrático (PSD).

DIÁRIO DO SERTÃO

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os membros da Associação dos ciclistas de Cajazeiras e região; Confira!

ADVERSÁRIOS ETERNOS

Breckenfeld diz que nunca será candidato a prefeito de São João nem aliado de Zé Aldemir: “Chance zero”

PSICOLOGIA & FILOSOFIA

Cajazeirense que vendia poesia pra pagar curso em SP fala sobre sonhos e objetivos no “Psicologia no Ar”

CÓDIGO COMPROVA

No 1º Xeque-Mate de 2018, tecnólogo diz que é fácil fraudar eleições com urna eletrônica e explica como