header top bar

section content

DE NOVO? Ministro do STF cassa liminar, Zé Vieira deixa a prefeitura e volta à prisão

Zé Vieira deve retornar à Penitenciária Agrícola de Sousa para cumprir a pena em regime semi-aberto.

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

03/08/2016 às 16h55 • atualizado em 03/08/2016 às 17h35

Imagem de Zé Vieira em aeroporto (foto: reprodução/WhatsApp)

O Supremo Tribunal Federal (STF), através do ministro Edson Fachin, acatou ação impetrada pela defesa do vice-prefeito, Zé de Pedrinho, e cassou a liminar que concedia habeas corpus ao prefeito Zé Vieira, restabelecendo ao mandato da Prefeitura de Marizópolis a Zé Pedrinho, que deverá assumir o cargo imediatamente. As informações foram divulgadas pelo  PB Agora.

O prefeito Zé Vieira teria voltado ao cargo na última quarta-feira (27) após conseguir habeas corpus concedido pelo ministro Ricardo Lewandowski, presidente do STF. No entanto, segundo o advogado do vice-prefeito Zé Pedrinho, Iarley Maia, a liminar concedida por Lewandowski contrariava a nova decisão do plenário do STF.

Zé Vieira foi condenado pelo Tribunal Regional Federal da 5ª região (TRF-5) por improbidade administrativa ao utilizar recursos federais em obras sanitárias da cidade. Ele foi condenado a prisão e a perda do mandato.

Zé Vieira deve retornar à Penitenciária Agrícola de Sousa para cumprir a pena em regime semi-aberto.

DIÁRIO DO SERTÃO

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe o professor Sérgio Cunha divulgando o IV Open paraibano de Karatê; Confira!

CASA NOVA

Locutor esportivo troca de emissora de rádio em Cajazeiras e revela mágoa: “Tomei uma pancada violenta”

NOVIDADES

VÍDEO: Novo padre da Paróquia São João Bosco confirma que pretende revitalizar a Praça Camilo de Holanda

AO VIVO NA TV

BOMBA! Ator cajazeirense revela que foi estuprado quando era coroinha de igreja: “Fui pra missa chorando” – ASSISTA!