header top bar

section content

Com ausência de Cleide, candidatos a prefeito de São José de Piranhas apresentaram propostas, prometeram empregos e alfinetaram a ‘fujona’ Vídeo!

Três concorrem, mas apenas dois compareceram ao evento. o Professor Clóvis, e Chico Mendes, em realização do Diário do Sertão.

Por Luzia de Sousa

28/09/2016 às 14h57 • atualizado em 29/09/2016 às 18h00


Foi realizado nesta quarta-feira (28), no Cine Paroquial, no Centro de São José de Piranhas o primeiro debate a prefeito registrado no município. Três concorrem a prefeitura, mas apenas dois compareceram ao evento. José Clóvis Barbosa Gonçalves, o Professor Clóvis (PT do B), e Francisco Mendes Campos, o Chico Mendes (PSB), usaram o primeiro bloco do debate para apresentações e cada um deles disse o porquê quer ser prefeito da cidade. A candidata Ana Cleide Penaforte, a Cleide de Zezé, do PP se ausentou.

Temas livres 1
Chico Mendes foi o sorteado para fazer a primeira pergunta e disse ser para a “fujona”, mas como não está questionou o candidato Clóvis sobre os serviços públicos de qualidade na saúde. Clóvis disse que será cuidadoso para colocar pessoas preparadas no serviço público para atender bem o povo. “Nosso povo precisa de cuidado”. Chico Mendes disse que fará parcerias para melhor atender a população. Clóvis criticou o adversário e disse ter tido oito anos com o seu aliado, o atual prefeito para fazer.

Clóvis foi o segundo a perguntar e indagou sobre a municipalização, alegando que o hospital está nas mãos de familiares do candidato a vice. Em resposta, o candidato prometeu continuar com a política de saúde iniciada por Domingos Neto (PMDB), que ampliou as unidades de saúde, não deixando faltar medicamentos na farmácia popular e postos de saúde. Na réplica, o professor prometeu municipalizar o hospital, com disponibilização de médico, além de melhor os PSF´s

Candidato Chico Mendes (Foto DS)

Candidato Chico Mendes (Foto DS)

Temas da produção
O tema Turismo foi sorteado e para responder foi também sorteado o candidato Clóvis, que destacou que a cidade é privilegiada geograficamente e propôs investimentos para incentivar o turismo na Zona Urbana e Rural, além de uma rota turística e “Hotel Fazenda” de Boa Vista.

O candidato Chico disse que vai fazer o desassoreamento do açude da Cagepa, com construção de uma passarela para caminhada, com implantação de hotéis fazenda na Boa Vista, e manter a Micaranhas, Marcha pra Jesus, festa do Dia da Cidade e Dia da Padroeira.

Para falar sobre a Infraestrutura, o primeiro a falar foi Chico Mendes e disse que fará convênios para calçamento, construção de escolas, campos de futebol, praça de esporte. Clóvis propôs a construção de um Centro Administrativo, para o funcionamento de todas as secretarias e órgãos do município, disse que vai asfaltar as principais ruas da cidade, construir um campo, inclusive com grama, construir a ponte de Piranhas Velha.

debate_jatoba76

Entidades
As Igrejas Evangélicas perguntaram sobre violência, assaltos, uso de drogas, o primeiro sorteado a falar foi o candidato Chico Mendes, que prometeu equipar a “Guarda Municipal”, inclusive com motocicleta, implantar sistema de câmeras com monitoramento, reforçar o policiamento. Clóvis disse que é necessário dar atenção as crianças, para não chegar ao mundo da violência, elencou a falta de educação e propôs ‘acompanhar’ os jovens para que não cometam delitos, além de construir praças esportivas para a juventude.

A Igreja Católica também perguntou sobre a violência e a falta de políticas públicas para os jovens. O professor Clóvis disse que vai dar total apoio a Polícia Civil para acabar com “focos’ de violência, fazer parcerias com Igrejas e inserir a juventude na prática de esporte com o incentivo do município. “É necessário que o jovem tenha segurança de futuro”. Chico Mendes prometeu projetos para o esporte, construção do estádio municipal em parceria com o governo da Paraíba, ampliar a jornada escolar com tempo integral e oferecer refeições qualificadas, implantação de um Centro de Reabilitação para os dependentes químicos, usando a estrutura deixada pela empresa responsável pela transposição do Rio São Francisco.

Candidato professor Clóvis (Foto DS)

Candidato professor Clóvis (Foto DS)

Temas livres 2
O candidato Chico Mendes foi sorteado para perguntar na segunda rodada de temas livres, e indagou sobre projetos para educação.Clóvis explicou que apresentou o projeto de valorização ao professor, 30h semanais, além de construir escolas básica II em duas comunidades quando assumiu a Secretaria de Educação. Na réplica, o candidato fez indagações a candidata ausente: “Estava com medo”. Na tréplica, Clóvis tachou de “covardia” a ausência de Cleide e seguiu elencando ações para melhorias na educação.

Clóvis disse que perguntaria a candidata ausente, mas indagou a Chico Mendes e pediu que elencasse ações de crescimento da cidade. O candidato disse que vai incentivar o empreendedorismo, além de incentivar a fabricação dos produtos comercializados pela população. Clóvis disse que é necessário obras estruturantes para indicar crescimento da cidade, e prometeu um “centro Industrial”, para atrair empresas e ofertar empregos a São José de Piranhas. Chico Mendes afirmou que é gerador de emprego no município, no ramo de confecções e destacou a geração de renda para cidade.

Transmitiram o debate ao vivo, as rádios Alto Piranhas AM, Difusora AM, Oeste AM, Barroso FM, em Cajazeiras e Terra Nova FM e Jatobá FM, em São José de Piranhas, além de 30 sites parceiros entre eles o Radar Sertanejo, que teve representado no evento histórico.

Veja mais fotos do debate em São José de Piranhas

.

DIÁRIO DO SERTÃO

DE ADVOGADO A ARTISTA

VÍDEO: Xeque-Mate entrevista quatro dos maiores empreendedores da PB, que revelam os segredos do sucesso

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com Louvores, mensagens e a palavra de Deus; CONFIRA!

DIÁRIO ESPORTIVO

Programa Diário Esportivo recebe o professor de Educação Física Pena Tavares e o jogador Jardel Rostan

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Sara Sheyla e Nelson Dantas – 21072017