header top bar

section content

HTop faz parceria com Hemocentro e realiza campanha de doação de sangue

O objetivo foi aumentar o estoque de sangue da unidade, para o feriado que se aproxima.

Por Priscila Belmont

05/04/2017 às 17h33

Ses e Htop realiza campanha de doação de sangue na capital.

O Hospital de Traumatologia e Ortopedia da Paraíba (Htop), em João Pessoa, realizou campanha de doação de sangue em parceria com o Hemocentro da Paraíba. O objetivo foi aumentar o estoque de sangue da unidade, para o feriado que se aproxima.

“Estamos nos aproximando de dois feriados no mês de abril e aumenta a preocupação com estoque de sangue, além da demanda de entradas de pacientes em situação de emergência, principalmente de trânsito. Por incrível que pareça a Semana Santa é mais agitada no Hospital de Trauma do que o Carnaval. Esperamos que estes números caiam”, explicou a diretora geral da unidade, Sabrina Bernardes.
A enfermeira do Hemocentro, Rosilda Renovato, lembrou que é muito importante a doação principalmente para pessoas que necessitam de cirurgias nas unidades de saúde. “É importantíssimo para um hospital como o de Trauma, de urgência e emergência, a doação de sangue. Muitas vezes as cirurgias são adiadas por faltar seu tipo sanguíneo, atualmente nossa principal carência são os sangues negativos”, salientou.

Participaram da doação os colaboradores, visitantes e acompanhantes de pacientes. Segundo a coordenadora do Núcleo de Estágio e Capacitação e Evento (Nece), Efigênia Lino, eles tiveram uma palestra na última sexta-feira (31) sobre conscientização da doação de sangue e isso contribuiu por uma boa procura. “Acreditamos que esta boa procura voluntária se deu pelo trabalho de divulgação e esclarecimentos sobre o mito da doação”, ressaltou.

De acordo com a enfermeira Marcela Fernandes, é muito importante à doação de sangue para facilitar as cirurgias. “Como trabalho no bloco cirúrgico consigo perceber a importância do sangue na cirurgia, além de ajudar no aumento de estoque e ainda salvar vidas”, comentou.

Já a acompanhante de um paciente, Maria das Dores, foi voluntariamente doar sangue após a divulgação do Serviço Social do complexo hospitalar. “Estou aqui com muito prazer pela primeira vez, sei que meu filho vai precisar de doação, pois brevemente estará fazendo uma cirurgia. O que ficou claro é que se não doarmos o estoque se acaba e quem sofre somos nós que precisamos. Estou feliz com este gesto que não só vai ajudar meu filho como também outras pessoas do Htop”, comemorou.

Doação de sangue – Para doar, é preciso levar um documento de identificação com foto, ter entre 16 e 69 anos e pesar mais de 50kg. Não é necessário estar em jejum, mas é preciso evitar alimentos gordurosos até três horas antes da doação. A coleta dura no máximo 10 minutos e é feita por profissionais treinados do Hemocentro. Todo o material utilizado é estéril e descartável. No fim, o voluntário recebe um lanche e informações sobre os cuidados básicos que devem ser tomados nas primeiras horas.

Secom

ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Psicologia no Ar recebe professor doutor de Cajazeiras pra falar sobre Psicologia Social

INTERVIEW

VÍDEO: Autor do filme “Memória Bendita” fala sobre os desafios de promover cultura na região de Sousa

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Fonte de Água da Vida

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na TV recebe diretamente do Rio Grande do Norte, Fábio Carvalho; CONFIRA!