header top bar

section content

Ricardo assina contratos em evento que marca retorno das atividades do Empreender Paraíba

O evento acontece às 9h, no Espaço Cultural, e celebra a assinatura de contratos para os beneficiários que ficaram com os seus processos retidos após a suspensão do programa.

Por Priscila Belmont

11/12/2017 às 18h34

Programa Empreender Paraíba

O governador Ricardo Coutinho participa de uma solenidade, na manhã desta sexta-feira (15), que marca o retorno das atividades do Programa Empreender Paraíba. O evento acontece às 9h, no Espaço Cultural, e celebra a assinatura de contratos para os beneficiários que ficaram com os seus processos retidos após a suspensão do programa.

Durante o evento, que contará com a presença da secretária executiva do Empreender Paraíba, Amanda Rodrigues, também serão anunciados a abertura de inscrições para linha Empreender Inovação Tecnológica, em parceria com a Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado da Paraíba (Fapesq), e o convênio instituído pelo Empreender Paraíba junto ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba (Iphaep), por meio do projeto Empreender Centro Histórico, que visa à preservação e promoção do patrimônio histórico e cultural do Estado, além da revitalização do Centro Histórico de João Pessoa. Os primeiros beneficiados do projeto assinarão os seus contratos na solenidade no Espaço Cultural.

O Governo do Estado foi liberado para voltar a conceder empréstimos do Empreender Paraíba a partir de duas liminares deferidas no dia 29 de novembro de 2017. Assim, foi garantida a liberação do programa que estava suspenso desde o dia 8 de novembro por decisão do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB). A paralisação do programa afetou cerca de 600 empreendedores paraibanos que estavam com empréstimos em processo de aprovação e que dependiam diretamente desse crédito para se desenvolver economicamente.

A empreendedora Antonita Clarindo, do município de Sumé, trabalha com doces e teve as suas vendas de final de ano prejudicadas com a suspensão do programa. Ela contou que iria aplicar o crédito do Empreender investindo em compras, ampliação da sua cozinha e na compra de uma geladeira, sendo um instrumento essencial de seu trabalho. “A paralisação do Empreender prejudicou muita gente, inclusive eu que estava com sonhos de ganhar mais, de aumentar a minha renda nesse mês de dezembro, pois temos muitas encomendas para o natal e formaturas. Isso me prejudicou muito, pois eu fiquei sem capital de giro para realizar os meus serviços”, desabafou a empreendedora.

Secom PB

"TRAÍRA"

EXCLUSIVO: Rosilene rompe o silêncio, se solidariza com portais, diz estar arrependida em apoiar Amadeu na FPF e pede desculpas aos clubes

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Em Continência ao Senhor Jesus recebe os adoradores por excelência da Igreja Luz da Vida; Veja!

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na Tv recebe Guilherme Costa e Pisada do Chefe de Joca Claudino – PB; Confira!

EX-REITOR DA UFCG

VÍDEO: Thompson Mariz quer Ricardo no Senado e confirma João Azevedo para governador: “Não tem plano B”