header top bar

section content

Fugitivos são presos enquanto assistiam jogo Sousa x Botafogo-PB no Marizão em Sousa

Os acusados foram identificados e presos por uma guarnição do BOPE de Patos que dava apoio aos policiais de Sousa durante o jogo

Por

07/02/2016 às 15h27

Acusados estavam assistindo Sousa x Botafogo-PB quando foram presos (Foto: Polícia Militar)

Dois homens acabaram sendo presos pela Polícia Militar na tarde deste sábado (6), por força de mandados de prisão expedidos pela justiça paraibana, no momento em que assistiam ao jogo Sousa x Botafogo-PB no estádio Marizão, na cidade de Sousa, pelo Campeonato Paraibano de Futebol.

VEJA TAMBÉM

► Quadrilha especializada em roubo de celulares e carteiras é presa no Carnaval de Cajazeiras

► Preso acusado de matar sobrinho com tiro na cabeça em Santana de Mangueira

► Polícia prende ex-conselheiro tutelar acusado de estupro a adolescente no sertão da Paraíba

Severino Félix da Silva, mais conhecido como Biu, e Cícero Messias Araújo, o Cicinho, eram foragidos da justiça. Eles fora identificados e presos por uma guarnição do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) da cidade de Patos que dava apoio aos policiais de Sousa durante o jogo.

Biu responde pelo crime de tráfico de drogas e porte ilegal de arma, enquanto Cícinho é condenado por roubo e apontado como principal suspeito da tentativa de homicídio contra Ribamar Lourenço, o Alemão, no dia 18 de janeiro na cidade de Patos.

Os dois foram levados de Sousa para Patos, onde ficarão no Presídio Procurador Romero Nóbrega.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
155 ANOS DA TERRA DO PADRE ROLIM

VÍDEO: Diocese ficou em Cajazeiras porque Sousa tinha padres casados? Professor explica essa história

PT RACHADO

Marcos do Riacho do Meio diz que petista que tem cargo e ‘juízo’ deve votar nos candidatos do prefeito

LANÇAMENTO

Festival Brasileiro de Cinema Espírita e Espiritualista foi destaque no programa Mensagem de Esperança

PSICOLOGIA NO AR

VÍDEO: Saiba como descobrir sua vocação profissional e ser bem-sucedido da universidade ao trabalho