header top bar

section content

Polícia prende homem após tiroteio em via pública, apreende armas e 70 animais silvestres no Vale do Piancó

Na cidade de Itaporanga, a Polícia Militar foi informada que um homem havia efetuado vários disparos de arma de fogo em via pública.

Por

23/12/2015 às 14h30

A Polícia Militar apreendeu dois revólveres, em menos de 12 horas, nos municípios de Itaporanga e Aguiar, no Sertão paraibano. Na noite dessa terça-feira (22), policiais do 13º BPM em Itaporanga, realizavam o policiamento em quatro cidades do sertão: Olho D’água, Nova Olinda, Santana dos Garrotes e Aguiar, que comemoravam as suas emancipações políticas. 

Na cidade de Itaporanga, a Polícia Militar foi informada que um homem havia efetuado vários disparos de arma de fogo em via pública, quando uma guarnição que estava próximo ao local seguiu em diligências conseguindo localizar o suspeito Francisco Lopes da Silva, 42 anos. Foi realizada a abordagem a Francisco e próximo a ele os policiais encontraram um revólver calibre 38.

Leia também:

Falso testemunho leva Justiça a erro e três sertanejos são presos inocentes; Vítima foi enterrada ainda viva

“Estávamos realizando rondas próximo ao local dos disparos, quando recebemos as informações e partimos em diligências. Ao localizá-lo, abordamos e verificamos que próximo ao suspeito continha um recipiente com água, onde estava a arma”, relatou o comandante da guarnição que realizou a prisão. O suspeito foi conduzido à delegacia da área e autuado por posse ilegal de arma de fogo.

A outra arma, um revólver calibre 32, com seis munições, foi apreendida na madrugada desta quarta-feira (23). O revólver estava com um adolescente de 16 anos, quando os policiais que realizavam o policiamento durante os festejos de emancipação política da cidade de Aguiar, suspeitaram das atitudes do adolescente e o abordaram, encontrando a arma. O suspeito foi apreendido, conduzido à delegacia especializada da área e submetido ao auto de apreensão por porte ilegal de arma de fogo.

Mais
Uma ação integrada de policiais civis da 15ª Delegacia Seccional de Patos e de policiais militares do 3º BPM apreendeu na tarde dessa terça-feira (22) 70 aves silvestres e macacos no sítio Conceição, no Sertão da Paraíba. Os animais estavam com Pedro Justino Cavalcante, 79 anos, que foi conduzido para a delegacia.

 

A polícia chegou até o suspeito depois de várias denúncias da presença de animais silvestres em cativeiro. As informações foram investigadas e, depois de confirmadas e o responsável identificado, foi desencadeada a ação. Várias espécies de aves foram encontradas na casa de Pedro Justino, entre elas canário da terra, azulão, asa branca, galo de campina, rolinhas e arribaçã.

Pedro Justino foi ouvido e vai responder por crime ambiental contra a fauna brasileira em vários artigos, a exemplo de caça, guarda, maus tratos e morte de animais. Ele foi liberado depois de pagar fiança no valor de R$ 2.000,00.  

DIÁRIO DO SERTÃO com Secom

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares

ALÍVIO

VÍDEO: Presidente da OAB de Cajazeiras afirma que a Comarca de Bonito de Santa Fé não será mais fechada