header top bar

section content

Secretário fala de crimes de Marcos Aleijado, dívida com Sousa e anuncia reforços. Vídeo

Cláudio Lima se posicionou contrário ao armamento do cidadão de bem e justificou: "Uma pessoa com arma na vira cão”.

Por

18/11/2015 às 15h00

Em Cajazeiras, o secretário de Segurança Pública do estado, Cláudio Lima comentou a operação “Acefalia”, desencadeada nas primeiras horas desta terça-feira (17), que culminou na prisão de oito pessoas e mais sete apenados envolvidos com crimes de tráfico de drogas, homicídios e porte de armas ilegalmente.

Cláudio Lima participou da operação e prisão do diretor da cadeia de Catolé do Rocha, Carlos Magno Mesquita e revelou que Marcos Pereira (Marcos Aleijado), morto na última terça-feira (10) comandava o tráfico em Cajazeiras, Sousa, Catolé e outras cidades. "O diretor colaborava com Marcos Aleijado"

Segundo o secretário, as investigações que resultaram na apreensão de quase uma tonelada de drogas de Marcos Aleijado iniciaram em João Pessoa, quando a carga foi interceptada em Cajazeiras é que se descobriu que pertencia ao acusado de tráfico cajazeirense.

Veja mais!

► Polícia prende viúva, irmã e cunhada de Marcos Aleijado, além de diretor de cadeia

► Delegado conta detalhes do assassinato e comandante desmente toque de recolher em Cajazeiras

► Homem é assassinado com tiros na cabeça na calçada de sua casa em Cajazeiras

Polícias
O secretário defendeu a união das polícias Civil e Militar e destacou as ações de apreensões de drogas e armas. “As polícias e estão de parabéns”, adiantando que a meta é trabalhar mais e render o máximo possível para o estado.

Cláudio Lima declarou que o problema da segurança não se resume a polícia, pois é iniciada a partir do sistema que tem uma legislação “fraca”, que favorece o “bandido” e disparou: “Segurança Pública nunca foi prioridade para nenhum governo. Ficou relegada a terceiro plano, não tem orçamento, cada governo dá o que quer”.

Falando de estrutura, o secretário admitiu que o sistema carcerário está falido no país. Segundo ele, a Paraíba tinha 8 mil presos, atualmente está com 10.200 e disse: A ordem é prender mais, mas não tem para onde mandar”.

Ele declarou que o Brasil pode ter a melhor polícia do mundo, ainda assim não resolveria a questão da segurança, pois esbarraria no judiciário, que não tem estrutura para julgar os processos. “O sistema para e todo mundo acha que o problema é polícia, mas é questão de sistema e com isso vem a impunidade. Nada funciona e você prende um assaltante 10 vezes e ainda acha que é polícia. Ninguém muda lei nesse país e quando muda  é para facilitar o bandido”, desabafou o secretário.

Sousa
Perguntado sobre o alto índice de violência em Sousa, 17 homicídios registrados somente este ano, além dos constantes assaltos e tentativas de homicídios, o secretário confessor ter uma dívida com a cidade, mas prometeu ações para reduzir os índices de violência. “Temos uma dívida com Sousa e vamos repara isso se Deus quiser”.

Ele anunciou a troca de comando, saindo o delegado Antonio Neto da Seccional de Sousa para Catolé do Rocha e a volta de Patrícia Forny para a cidade de Sousa e o aumento do efetivo de policiais. “Esse aumento do efetivo vamos fazer agora e distribuir motocicletas para o comando”.

De acordo com Cláudio Lima, a troca de comando tem haver com a busca de melhoria nos resultados da segurança pública e afirmou que espera até o início de dezembro melhores resultados em Sousa.

Armamento
Cláudio Lima se posicionou contrário ao armamento do cidadão de bem e justificou: “Não é por que ele é um cidadão que ele não seja capaz de cometer coisas absurdas. Uma pessoa que não tem paz no coração com uma arma na vira cão”.

Mais
O secretário participará nessa quarta-feira (18), de uma reunião em Cajazeiras a convite do Tenente-Coronel Cunha Rolim, Comandante da PM de Cajazeiras, para discutir a questão da violência. O Comandante apresentará o panorama da segurança pública na região, além de uma proposta de ações de combate a violência, sobretudo ao tráfico de drogas na cidade.

DIÁRIO DO SERTÃO

MERCADO NEGRO

EXCLUSIVO: Padre denuncia que Cajazeiras está repleta de ‘locadoras de armas’: “A polícia sabe” – VÍDEO!

PARABÉNS

VÍDEO: Veja a mais nova música que homenageia a cidade de Cajazeiras nos seus 154 anos de emancipação

AO VIVO

Assista ao Debate de Cajazeiras completo; vários temas foram levantados para melhorar a cidade

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor