header top bar

section content

Duas farmácias são assaltadas na cidade de Sousa em apenas duas horas; polícia não localizou os bandidos

Os bandidos fugiram tomando rumo ignorado.. A polícia militar passou a realizar diligências com intuito de prender os acusados, porém sem êxito.

Por

10/11/2015 às 07h45

Acusados ainda não foram identificados (foto: ilustrativa/internet)

A farmácia Santa Terezinha, localizada na no Jardim Sorrilândia, foi assaltada por volta das 16:40h desta segunda-feira (09), por dois bandidos armados. Segundo informações da PM, os acusados chegaram em uma moto de cor vermelha, um deles ficou do lado de fora observando a movimentação, enquanto o outro munido com um revólver entrou ao estabelecimento e anunciou o roubo, subtraindo uma quantia em dinheiro e vários celulares dos clientes.

Após o roubo os bandidos fugiram tomando rumo ignorado. A PM ao ter conhecimento do fato passou a realizar rondas pela cidade, mas os bandidos infelizmente não foram localizados.

Mais uma
Por volta das 20h desta segunda-feira (09), os bandidos investiram contra outra farmácia, desta vez o alvo foi a Nossa Farma, localizada na Avenida Nelson Meira na Estação, onde dois bandidos não identificados chegaram em uma moto de cor escura, entraram no citado estabelecimento comercial com arma em punho, renderam as pessoas presentes e subtraíram uma quantia em dinheiro não revelada que estava no caixa e um celular.

Os bandidos fugiram tomando rumo ignorado. O proprietário imediatamente ligou para a polícia, que passou a realizar diligências por toda cidade com intuito de prender os bandidos, porém sem êxito.

DIÁRIO DO SERTÃO

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os organizadores do 1º Eco pedal e o garoto prodígio do futebol Luiz Felipe

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Maria Vitória e Rodrigo Almeida 11.08.2017

INTERVIEW

Educadora fala da infância difícil e sua trajetória de sucesso: ‘Faltava dinheiro, mas não alegria’