header top bar

section content

Após ser cobrado a pagar pensão, pai joga bebê de quatro meses no rio e o mata afogado

Criança está desaparecida; local onde o crime aconteceu tem 50 metros de profundidade

Por

18/08/2015 às 07h19

O pai jogou o filho de quatro meses no rio após briga com a mulher (Foto: Reprodução/ Rede Record

Um homem jogou o filho de quatro meses nas águas do rio Negro,  no último fim de semana após discutir com a ex-mulher por causa de pensão alimentícia.

De acordo com depoimento da mãe da vítima, ela teria ido pegar a pensão do filho, quando o pai disse que precisava buscar o dinheiro em outro lugar.

O suspeito, que trabalha como canoeiro, teria iniciado uma discussão com a ex-mulher e, durante a confusão, teria jogado o filho no rio.

As buscas pelo corpo do bebê aconteceram no sábado e no domingo, mas, por causa da profundidade do rio (que chega a 50 metros no local) a busca foi feita visualmente pelos mergulhadores com o auxílio de lanchas.

Até a tarde desta segunda-feira (17), o  corpo do bebê ainda não havia sido encontrado.

A mãe chegou a ir até a delegacia ainda com a bolsa da criança.

R7

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula