header top bar

section content

Família acusa polícia pela morte de pedreiro sousense; polícia diz que houve troca de tiros

O pedreiro foi alvejado pela Polícia Militar com um tiro na cabeça. Confira!

Por

06/05/2014 às 10h55

Pedreiro sousense foi morto com um tiro na cabeça (Foto: Diário do Sertão)

A Polícia Civil de Tenente Ananias no Rio Grande do Norte, está investigando o caso da morte do pedreiro Heleno José da Silva, de 39 anos, que foi alvejado pela Polícia Militar com um tiro na cabeça por volta das 13h do último domingo (04), na divisa do estado do Rio Grande do Norte  com a Paraíba.

Conforme informações de familiares, Heleno saiu de sua residência no Alto do Cruzeiro, em Sousa, para efetuar um pagamento de uma pensão à sua ex-esposa em Tenente Ananias, porém, ao retornar para casa foi abordado pela polícia e acabou sendo atingido com um tiro na cabeça.

“Vamos procurar o Ministério Público, os Direitos Humanos, pois não admitimos que um pai de família, trabalhador seja morto dessa forma pela Polícia Militar. Nós vamos até as últimas instâncias da justiça para provar que os policiais estão mentindo”, disse Samya Lourena, sobrinha da vítima.

 

Velório
Centenas de pessoas compareceram ao velório de Heleno que foi realizado na residência de familiares no bairro Alto do Cruzeiro em Sousa, o corpo foi sepultado no cemitério municipal São João Batista.

Relatório policial
Em contato com a reportagem do Diário do Sertão, o soldado Antônio Marcos Florentino, contou detalhes de como tudo ocorreu. O relatório policial apontou que houve uma troca de tiros entre dois suspeitos e a guarnição do destacamento de Tenente Ananias/RN.

O Boletim de Ocorrência relata ainda que os policiais realizavam rondas de rotina e quando tentaram abordar uma moto com duas pessoas suspeitas, foram surpreendidos com tiros em direção à viatura que foi atingida com um disparo no giroflex. Os Policiais revidaram e houve troca de tiros. Durante a perseguição, os dois ocupantes da moto caíram.

Segundo a Polícia, Heleno José da Silva que conduzia a moto foi atingido com um disparo na cabeça, foi socorrido na própria viatura para o Hospital Municipal de Tenente Ananias, onde foi constatado o óbito.


                                                           Revólver foi apreendido pela Polícia (Foto: Nosso Paraná RN)

Foram realizadas várias diligências juntamente com viaturas do destacamento do Lastro e o BOPE de Sousa, mas o outro suspeito não foi localizado.

Durante as buscas, a PM encontrou um revólver cal. 38 com três munições intactas e três deflagradas e uma moto Yamaha de cor vermelha de placa MNY-4675/PB.
O material apreendido foi entregue na 8ª DRPC de Alexandria/RN. 

Vídeo com a sobrinha da vítima!

Ouça a entrevista com o Policial Militar!

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula