header top bar

section content

Advogado suspeito de atirar em cajazeirense é preso; mãe diz que ele é inocente. Confira!

O suspeito vai responder pelo crime de tentativa de homicídio.

Por

30/04/2014 às 07h34

O suspeito teria atirado no rosto da namorada (Foto: Facebook)

Foi detido na tarde desta terça-feira (29), o advogado José Itamar Montenegro, principal suspeito de atirar no rosto da advogada cajazeirense Érica Vanessa Lira, de 31 anos. O suspeito se encontra na delegacia de homicídios de João Pessoa .O crime aconteceu na noite desta quinta-feira (24) no apartamento do casal que fica localizado no bairro do Bessa em João Pessoa.

O delegado de homicídios, Wagner Dorta está investigando o caso e revelou que o suspeito vai responder pelo crime de tentativa de homicídio.

De acordo com informações da Polícia Militar, o casal estava no apartamento quando acabaram discutindo e o acusado pegou uma arma de fogo e efetuou o disparo que atingiu o rosto de Érica. Ainda de acordo com a Polícia, depois de efetuar o disparo, o homem fugiu em um carro.

De acordo com o boletim do Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, Érica Vanessa ainda se encontra internada em estado grave.

A senhora Ilza Gonçalves, mãe do suspeito disse que o crime foi uma fatalidade, e que seu filho é inocente. Os advogados de defesa vão pedir um habeas corpus.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Garotinha de Cajazeiras que não tem os membros dá lição de vida e emociona com sua história

VÍDEO

Historiador diz não ‘concordar’ com mudança na data comemorativa de emancipação política de Cajazeiras

DETALHES DO JÚRI

VÍDEO: Secretária revela bastidores do julgamento do caso Érika e diz que houve distinção de tratamento

22 DE AGOSTO

VÍDEO: Prefeitura de Cajazeiras corre para conseguir recapear todas as entradas antes do dia da cidade