header top bar

section content

Justiça do RN solta advogada sousense que assassinou o marido a tiros em Pau dos Ferros

A advogada sousense é suspeita de matar o marido, também advogado, a tiros dentro do escritório onde trabalhavam no município de Pau dos Ferros. Veja!

Por

28/01/2014 às 22h32

Mulher matou o marido a tiros em Pau dos Ferros (Foto: Internet)

A Justiça determinou, nesta terça-feira (28), a soltura da advogada Cleidimar de Oliveira Dantas, suspeita de ter assassinado o marido, o advogado Lafaiete Dantas Barbosa Júnior. O crime ocorreu em 18 de dezembro, às 9h, no escritório do casal, localizado na cidade de Pau dos Ferros, a 400 quilômetros de Natal. 

A defesa da acusada alegou que Cleidimar apresentou um surto psicótico e com isso, matou o marido. Segundo a defesa, o casal brigou no dia anterior, após a mulher descobrir traições de Lafaiete Dantas, o que teria motivado o crime. 

O alvará de soltura concedido pelo pleno do Tribunal de Justiça do RN (TJRN) veio após algumas condições: Cleidimar de Oliveira não irá poder se ausentar da comarca; Ela deverá comparecer ao juízo todos os meses; além de apresentar a cada dois meses um laudo do acompanhamento com o psicólogo e o psiquiatra. 

A advogada foi presa em flagrante, preventivamente, após o crime. Na época, o juiz de primeira instância alegou que a ré deveria ficar presa por conta da gravidade do assassinato e da repercussão social. Já o pleno compreendeu que os dois motivos apresentados pelo juiz não eram fortes o suficiente para manter Cleidimar de Oliveira Dantas, presa. 

O crime
A advogada é suspeita de matar o marido, também advogado, dentro do escritório onde trabalhavam, no município de Pau dos Ferros. De acordo com a Polícia Militar, a vítima foi atingida na cabeça por disparos de revólver calibre 38.

Cleidimar Oliveira Dantas é a principal acusada de disparar contra o marido. Após o crime, a suspeita foi encontrada em estado de choque e, por isso, foi levada ao hospital, onde foi sedada. Após ser acalmada, por volta das 11h a advogada prestou depoimento na delegacia de Pau dos Ferros. A advogada foi presa em seguida.

Na época, a Ordem dos Advogados do Brasil no Rio Grande do Norte (OAB/RN) lamentou a morte do advogado. "O caso realmente chocou a todos. A subseção de Pau dos ferros está abalada com o acontecimento e no momento, tem dificuldade em acompanhar o caso. A subseção de Mossoró foi chamada para auxiliar", disse o presidente da OAB, Sérgio Freire.
 

Fonte: Tribuna do Norte

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Fonte de Água da Vida

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na TV recebe diretamente do Rio Grande do Norte, Fábio Carvalho; CONFIRA!

XEQUE-MATE

VÍDEO: Vereador de Cajazeiras e educadores esclarecem polêmicas sobre a identidade de gênero nas escolas

DIÁRIO ESPORTIVO

Tudo sobre as novas contratações e a preparação dos times para o Campeonato Paraibano 2018