header top bar

section content

Em ataque de fúria, homem usa pedaço de madeira e facão para destruir rádio na região de Cajazeiras. Fotos

O Capitão da Polícia Militar da Paraíba disse que usou o cabo de uma “picareta” e um facão para efetuar os danos ao patrimônio privado.

Por

27/01/2014 às 16h40

Rádio ficou parcialmente quebrada. Confira!

A Polícia Militar (PM) da cidade de Uiraúna prendeu nesta segunda-feira (27), o agricultor José Marcelo Bezerra da Silva, de 27 anos, morador do sítio Tigre, acusado de destruir o prédio da recém-inaugurada “Mais FM”

De acordo com o Capitão Eugênio Vieira, o homem sofre de problemas, e num ataque de fúria adentrou o prédio da emissora e quebrou TV, receptor de parabólica, birô, computador, rádio, quadros, jarros, entre outros.

O Capitão disse que usou o cabo de uma “picareta” e um facão para efetuar os danos ao patrimônio privado.

Eugênio revelou também, que o homem resistiu a prisão e quebrou o para-brisa da viatura policial. “O foco dele era simplesmente causar danos”

Segundo o Capitão, José Marcelo revelou que praticou o crime porque pediu um emprego ao proprietário da Rádio, mas não foi atendido. “Por isso esse surto de revolta”

O homem não conseguiu entrar nos estúdios da emissora, onde estavam três pessoas, inclusive o comunicador de Cajazeiras, Olivan Silva.

A rádio é de propriedade do radialista cajazeirense Fabiano Gomes.

DIÁRIO DO SERTÃO com fotos do Cofemac

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula