header top bar

section content

Sertão: Cabo da polícia chora ao falar de filho vítima de tiros e pede ajuda aos amigos. Ouça

Aniceto falou emocionado do estado de saúde do filho e disse que vai lutar até o fim para que volte a andar.

Por

08/10/2013 às 16h04

O pai de Aroldo Ferreira, de 22 anos, o Cabo da Polícia Militar (PM), Aniceto Ferreira fez um apelo nessa segunda feira (07), aos amigos no sentido de angariar recursos para uma cirurgia que pode fazer o jovem voltar a andar.

Haroldo foi baleado durante assalto nas proximidades da cidade de Diamante, Sertão do Estado, no último dia 02 de outubro, onde três homens roubaram a moto do jovem e ainda tentaram matá-lo a tiros.

No dia seguinte ao crime, a PM prendeu Clebson Soares Teotonio, de 20 anos e Edval Ribeiro Dantas, de 23 anos, residentes da cidade de Manaíra. O terceiro envolvido conseguiu fugir da ação policial.

Aniceto falou emocionado do estado de saúde do filho e disse que vai lutar até o fim para que volte a andar.

“Deus vai mostrar um jeito para resolver isso. É muito difícil falar do meu filho porque ele sempre foi exemplar”. Disse o Cabo chorando

Ouça áudio!

[mp3:pm.mp3]

DIÁRIO DO SERTÃO com Flávio José de Itaporaga 

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula