header top bar

section content

Garoto que matou o jovem Rodrigo em Cajazeiras prestou apenas depoimento e foi liberado em seguida

Ele foi liberado devido, o menor ser réu primário, ter livrado o flagrante, visto que ele fugiu do local após o acontecido, e ser menor de idade. Confira!

Por

12/12/2011 às 10h41

O adolescente de 17 anos de idade conhecido como "Corrozinho" que assassinou com tiros o jovem Rodrigo, se apresentou neste sábado (10), na delegacia de Cajazeiras acompanhado do Advogado Rogério Bezerra prestou um depoimento e foi liberado.

O menor de idade foi ouvido pela delegada Amim Oliveira, que após o depoimento, devido o menor ser réu primário, ter livrado o flagrante, visto que ele fugiu do local após o acontecido, e ser menor de idade, ele foi liberado e está solto.

Entenda o caso
Na sexta-feira (09) na cidade de Cajazeiras, o menor de 17 anos, identificado por "Corrozinho" atirou por três várias vezes com um revólver calibre 38, assassinando o marcineiro, Rodrigo Alves Batista, 21 anos.

O crime teria acontecido por vingança, pois o menor teria sido agredido esta semana pela vítima e por um amigo, depois de uma tentativa de assalto contra o menor, que não tinha dinheiro no momento e foi agredido pelos rapazes.

Rodrigo chegou a ser encaminhado ao Hospital Regional de Cajazeiras ainda com vida, mas não resistiu e faleceu.

DIÁRIO DO SERTÃO
 

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula