header top bar

section content

Santa Helena começa a ser explorada

O Petroléo foi descoberto desde 2002 e agora é uma realidade

Por

16/02/2009 às 08h33

Agência Nacional de Petróleo anunciou na última semana o inicio da exploração do petroléo na região da bacia do rio do peixe, a primeira cidade a ser explorada, será a cidade de Santa Helena, onde foi localizada a maior reserva petrolifera da região.

Desde de 2002 a Companhia de Desenvolvimento de Recursos Minerais da Paraíba, passou a pesquisada cientificamente a região, com uma comitiva de técnicos da ANP e do estado, mediante convênio de cooperação bilateral firmado pelo governador Cássio Cunha. Enquanto percorriam a região, percebiam que dezenas de outros agricultores, ao longo dos 10 municípios localizados na bacia sedimentar da Paraíba, apostavam que nas terras deles também havia petróleo e abriam as porteiras dos currais de bovinos e de caprinos para as prospecções.

A pesquisa preliminar foi desenvolvida pela empresa Geo-Radar, de Minas Gerais. Foram duas coletas de amostras de solo por quilômetro quadrado, a primeira com 25 cm de profundidade e a segunda com 70 cm a 1 metro. O objetivo dessa primeira etapa é o de analisar componentes como gás e fazer um estudo da bacteriologia do solo. Foram três meses de trabalho de campo, estimado inicialmente para durar 180 dias. Na conclusão, outra surpresa. Todas as 300 amostras apresentaram resultados positivos indicando a presença de lençóis de petróleo na região.

A população sertaneja aguarda anciosa o inicío da exploração do petroléo, tendo a grande geração de emprego e renda que movimentará a economia local.

JOSELITO FEITOSA
Da Redação do Diário do Sertão

Tags:
DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os membros da Associação dos ciclistas de Cajazeiras e região; Confira!

ADVERSÁRIOS ETERNOS

Breckenfeld diz que nunca será candidato a prefeito de São João nem aliado de Zé Aldemir: “Chance zero”

PSICOLOGIA & FILOSOFIA

Cajazeirense que vendia poesia pra pagar curso em SP fala sobre sonhos e objetivos no “Psicologia no Ar”

CÓDIGO COMPROVA

No 1º Xeque-Mate de 2018, tecnólogo diz que é fácil fraudar eleições com urna eletrônica e explica como