header top bar

section content

Acusado de abuso sexual, técnico da seleção brasileira de ginástica é afastado do cargo

Fernando de Carvalho Lopes afirma estar com a consciência tranquila: 'Até agora, foi só fofoca'

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

15/07/2016 às 08h35

Técnico é afastado (Foto: Ricardo Bufolin/CBG/Divulgação)

A menos de um mês dos Jogos Olímpicos, o técnico da seleção brasileira masculina de ginástica artística, Fernando de Carvalho Lopes, de 38 anos, foi afastado do cargo por conta da suspeita de ter praticado atos de abuso sexual. De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, a acusação partiu dos pais de um atleta menor de 18 anos – o garoto e um outro ginasta, atleta da seleção, já prestaram depoimento.

 O processo está tramitando em segredo de Justiça e foi instalado pelo Ministério Público de São Paulo.Lopes também foi afastado, preventivamente, do clube em que trabalhava, o ADC São Bernardo. Ao jornal paulista, o técnico disse ter a consciência limpa e que seus advogados não receberam nenhuma notificação oficial. “Nenhum advogado meu localizou nada sobre isso. Até agora, foi só fofoca”, disse à publicação.

Como o processo corre em sigilo, o Ministério Público tem a possibilidade de só informar o suspeito após investigação preliminar.

Notícias ao Minuto

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ALÍVIO

VÍDEO: Presidente da OAB de Cajazeiras afirma que a Comarca de Bonito de Santa Fé não será mais fechada

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis

CADASTRAMENTO

VÍDEO: Prazo final para biometria na região de Catolé do Rocha é antecipado, e Justiça alerta eleitores