header top bar

section content

Morre aos 75 anos, jornalista que apresentou telejornais na Globo, SBT e nos Estados Unidos

Eliakim Araújo estava internado para tratar de um câncer no pâncreas. Ele morava nos EUA com a mulher Leila Cordeiro.

Por Redação Diário

17/07/2016 às 20h24 • atualizado em 17/07/2016 às 20h27

Leila Cordeiro e Eliakim Araújo formaram o primeiro casal de apresentadores da TV brasileira. (Foto: Reprodução/Facebook)

Morreu aos 75 anos o jornalista Eliakim Araújo. Ele estava internado em um hospital de Fort Lauderdale, nos Estados Unidos, para o tratamento de um câncer no pâncreas. A doença foi diagnosticada há cerca de um mês e o jornalista chegou a se submeter a um tratamento de quimioterapia, mas não resistiu.

Natural de Guaxupé, Minas Gerais, Eliakim Araújo ingressou no jornalismo aos 20 anos quando ainda era estudante de direito. Passou quase duas décadas na Rádio Jornal do Brasil antes de ir para a Rede Globo, onde apresentou junto com a mulher, a também jornalista Leila Cordeiro o Jornal da Globo, em 1983. Eles formaram o primeiro casal de apresentadores da televisão brasileira. Na Globo, Eliakim também apresentou o programa Globo Repórter, comandou a cobertura dos desfiles de escolas de samba do Rio de Janeiro e cobriu a eleição de Tancredo Neves.

Juntos, Eliakim e Leila seguiram para a extinta Rede Manchete em 1989. Eles ancoraram o principal jornal da emissora. Em São Paulo, também com mulher, Eliakim apresentou telejornais do SBT.

G1

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Sara Sheyla e Nelson Dantas

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar