header top bar

section content

Após se pendurar em carreta, jovem cai e tem cabeça esmagada no nordeste

Corpo da vítima foi removido pelo DPT (Departamento de Polícia Técnica) de Itabuna

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

03/08/2016 às 13h40

A PRF afirmou que o jovem foi atropelado poucos minutos após a pista ter sido liberada pelos manifestantes. (Foto: Reprodução / G1)

Um jovem de 18 anos morreu atropelado por uma carreta no KM-542 da BR-101, trecho do município de São José da Vitória, no sul da Bahia, nesta terça-feira (2). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), com base em informações preliminares, o jovem teria se pendurado no fundo do veículo quando escorregou e foi parar debaixo de uma das rodas.

O acidente foi registrado no local onde tinha acabado de ocorrer um protesto de professores em apoio a funcionários terceirizados do estado que estariam com salários atrasados. A PRF afirma que o jovem foi atropelado poucos minutos após a pista ter sido liberada pelos manifestantes.

Conforme testemunhas, a vítima não participava do protesto, mas assistia à ação do manifestantes às margens da rodovia. O corpo do jovem foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica de Itabuna (DPT). O condutor do veículo não foi localizado até a tarde desta terça-feira.

Sobre o protesto dos terceirizados, a Secretaria da Educação da Bahia informou, por meio de nota, que o Estado já resolveu todas as pendências e que as contratações dos prestadores de serviço já foram iniciadas nas escolas. O órgão ainda disse que os contratos das novas empresas prestadoras de serviços já foram assinados e valem a partir de 1º de julho. Todos são regidos pela Lei Anticalote, que visa garantir os direitos dos trabalhadores.

A Secretaria de Educação acrescentou que a orientação é para que sejam aproveitados os trabalhadores que já atuam nas unidades escolares, de acordo com o número de prestadores que está determinado para cada contrato. Em relação à rescisão dos funcionários, a Secretaria da Educação do Estado está acompanhando junto ao Ministério Público do Trabalho.

G1

ALFINETOU

VÍDEO: Aliado do prefeito destaca asfaltamento de ruas de Cajazeiras e alfineta grupo de Carlos Antonio

REVELAÇÃO

VÍDEO: Emocionado, radialista fala de dificuldades na infância e revela que ‘amigo’ lhe ofereceu drogas

VEJA

VÍDEO: Gilvan de Andrade fala de experiência no Rádio em Cajazeiras e João Pessoa

VÍDEO

Padre anuncia reforma da paróquia São João Bosco de Cajazeiras a avalia atuação do bispo