header top bar

section content

Igreja de João Pessoa é pichada com acusação de pedofilia e ofensas; padre quer investigação

O religioso se disse indignado com o fato e disse que vai pedir investigações rigorosas

Por Estagiário

17/10/2016 às 12h32 • atualizado em 17/10/2016 às 12h54

A igreja de Menino Jesus de Praga, no bairro dos Bancários, na Zona Sul de João Pessoa, amanheceu neste domingo (16) com pichações com acusações de pedofilia e ofensas diversas contra o padre Marcondes, que atua na paróquia. O religioso se disse indignado com o fato e disse que vai pedir investigações rigorosas.

“Não sei quem pode ter feito isso. Não desconfio de ninguém e essas acusações são infundadas”, disse Marcondes. O padre revelou que nunca sofreu qualquer tipo de ameaça e vai prestar queixa à polícia.

O pároco informou que já relatou o ocorrido para o setor jurídico da Arquidiocese da Paraíba e afirmou que vai entrar em contato com a empresa responsável pela segurança da igreja para saber se alguma imagem dos vândalos responsáveis pela ação foi capturada.

16967174580007455750000

16967674580007455750000

16967274580007455750000

Fonte: Paraíba.com

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis

CADASTRAMENTO

VÍDEO: Prazo final para biometria na região de Catolé do Rocha é antecipado, e Justiça alerta eleitores

MITO DA INTERNET

VÍDEO: Fenômeno Gleyfy Brauly bate recorde de audiência no Xeque-Mate e canta sucessos no ‘imbromation’

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires