header top bar

section content

Miau: Médicos ‘gatos’ conquistam legião de fãs nas redes sociais

Os doutores contam que tudo começou com o amigo Luís Eduardo Oliveira, 26, conhecido como Goiano, que já soma mais de 260 mil seguidores.

Por

03/05/2015 às 11h58

Médicos goianos "gatos" estão conquistando uma legião de fãs nas redes sociais. A cada foto postada no Instagram, eles recebem milhares de curtidas em minutos e acumulam novos seguidores, que fazem questão de elogiar a beleza dos profissionais. Moradores de Goiânia, os clínicos gerais Flávio Braga e Pedro Neviani , ambos de 26 anos, afirmam que não esperavam virar celebridades na internet. "Nunca imaginei isso, mas hoje me divirto", disse Pedro ao G1.

Os doutores contam que tudo começou com o amigo Luís Eduardo Oliveira, 26, conhecido como Goiano, que já soma mais de 260 mil seguidores. Ele, que já fez trabalhos como modelo antes de iniciar a faculdade de medicina, diz que abriu a conta na rede social no final de 2013 por curiosidade. Desde então, posta selfies que mostram desde seu dia a dia como médico aos passeios, viagens, baladas e aulas na academia.

“Eu era uma pessoa anônima como qualquer outra, mas tudo mudou no ano passado quando uma blogueira curtiu uma foto minha, em que eu estava no consultório, de jaleco, e começaram a surgir seguidores que eu não conhecia. Pouco tempo depois, a cantora Anitta curtiu outra foto minha e, de uma hora para outra, eu tinha 35 mil seguidores. Em seguida, outro site de humor fez uma postagem com uma foto minha e dando meu endereço. Quando percebi, mais de 262 mil pessoas me seguiam”, conta Luis Eduardo.

Segundo ele, depois que sua página passou a ter muitos seguidores, algumas de suas postagens chegam a ter milhares de curtidas em minutos. “Me divirto com os comentários, em que muita gente diz que ‘está passando mal’, ‘precisa ir ao pronto-socorro com urgência’, 'precisa de um médico', entre outros. Encaro tudo isso de uma forma muito respeitosa, pois faz com que o meu lado profissional seja reconhecido”, diz.

Como Goiano sempre posta fotos com os amigos Pedro e Flávio, os perfis deles também passaram a receber um grande número de seguidores. “Eu nunca gostei de muita exposição e até demorei para ter uma conta no Instagram. Mas, com o tempo, comecei a gostar desse mundo virtual e a mostrar, como todo mundo, a minha rotina. Aí meus posts foram ganhando repercussão, acredito que muito em razão da amizade com o Luís Eduardo”, relatou Pedro, que é seguido por mais de 10 mil pessoas.

Flávio, que abriu a conta há três meses e já tem mais de 17 mil seguidores, também ressalta que nunca pensou em “ser famoso”. “Sempre foquei na minha carreira e jamais imaginei em ter a minha imagem exposta de alguma forma. Mas isso foi acontecendo naturalmente. Fiz o perfil para acompanhar a rotina dos amigos e ele acabou ficando conhecido. Hoje, muitos pacientes me reconhecem, dizem que já me viram na internet, e acho isso bacana, pois não deixa de ser uma divulgação profissional também”, relatou.
Jamais vou deixar de atender bem um paciente em nome da fama. Já nas poucas horas vagas que tenho, acho bacana esse lance de celebridade"
Luís Eduardo, clínico geral

Para Luís Eduardo, a fama obtida por meio das redes sociais ajuda a “quebrar o gelo” no ambiente de trabalho. “Já fui reconhecido por muita gente, pedem para tirar fotos. Já aconteceu de me chamarem de metido por eu não ter respondido na hora. Mas quando estou em atendimento, o foco é esse. Jamais vou deixar de atender bem um paciente em nome da fama. Já nas poucas horas vagas que tenho, acho bacana esse lance de celebridade”, conta.
Apesar de se considerar goiano, Luís Eduardo nasceu em Ilicínea, em Minas Gerais. “Mas eu mudei para Goiás aos sete anos de idade e vivi boa parte da minha vida aí, onde fiz bons amigos, como o Pedro e o Flávio. Há mais ou menos sete anos, mudei para o Rio de Janeiro, onde vivo atualmente. Mesmo assim, sempre que possível estou em terras goianas”, conta.

O médico conta que, apesar da rotina agitada da profissão de médico, pretende abraçar algumas oportunidades e, quem sabe, seguir também a carreira de modelo. “As redes sociais abriram um caminho que eu tinha deixado de lado. Mas a cada foto que eu posto que tem uma repercussão, algumas propostas de trabalho acabaram caindo no meu colo e vou aproveitar”, disse Luís Eduardo.

G1PB

ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Psicologia no Ar recebe professor doutor de Cajazeiras pra falar sobre Psicologia Social

INTERVIEW

VÍDEO: Autor do filme “Memória Bendita” fala sobre os desafios de promover cultura na região de Sousa

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Fonte de Água da Vida

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na TV recebe diretamente do Rio Grande do Norte, Fábio Carvalho; CONFIRA!