header top bar

section content

Vital recebe Maurício de Sousa e Mônica em seu gabinete

Por fim, Maurício de Sousa autografou gibis para Vital do Rêgo, que pediu dedicatória para os filhos.

Por

02/04/2014 às 15h35

Maurício de Sousa e Vitalzinho

Maurício de Sousa esteve, na tarde desta terça-feira (1), no gabinete do senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), ocasião para a qual levou duas de suas criações: a filha, Mônica de Sousa, e a personagem homônima. A reunião teve por objetivo o debate sobre a  disseminação das produções culturais do Brasil em território internacional, com enfoque no lazer e na educação.

Chegando ao gabinete, o quadrinhista e sua célebre filha notaram a estatueta de um sanfoneiro, oriunda do município de Sousa, na Paraíba, e Mônica explicou que sua avó materna é do município. “Sousa é o registro mais fiel da presença de animais pré-históricos no Brasil, e nós conseguimos preservar os sítios com a destinação de verba de emendas parlamentares”, contou o parlamentar.

“Então tem pegadas de dinossauro e o dedo de sua intervenção,” brincou Maurício.

Tratando a situação da produção nacional de produtos da indústria de entretenimento, o parlamentar, na condição de admirador da trajetória do quadrinhista, lembrou o contato que teve com quadrinhos na infância. “O Brasil tem o seu projeto como vetor da nossa cultura em cenário internacional. Eu me lembro que uma das minhas maiores frustrações, quando eu era criança, era contar com a história dos índios americanos nos gibis enquanto nada se falava dos índios da minha terra.”

Hoje, o mercado brasileiro de quadrinhos representa 86% da tiragem total.

“Em tudo que eu puder trabalhar para, dentro do âmbito de minha função legislativa, reforçar a valorização da nossa cultura pátria, dos nossos produtos e artistas, eu estarei disposto,” afirmou Vital. Quando deputado, Vital do Rêgo foi presidente da Comissão de Defesa dos Direitos do Consumidor, que, entre outras competências, legisla sobre a área de áudio-visual relativa à canais pagos. Enquanto relator da "Nova Lei da TV por Assinatura", Vital procurou favorecer a indústria nacional pela relatoria do projeto, hoje na forma da lei 12485/2011. Em vigor, a lei redefiniu os parâmetros do capital estrangeiro em concessionárias de telecomunicações impostas ao Serviço de TV a Cabo, dando mais espaço à produção nacional, valorizando nossas cotas. “Hoje, quando eu vejo o avanço do cinema nacional, quando vejo os canais pagos acatando o conteúdo brasileiro, me sinto recompensado por todo aquele esforço,” contou o Senador.

“Isso é muito importante, porque os artistas brasileiros estavam saindo daqui pela falta de espaço para a produção de desenho animado, e agora esse movimento tem invertido,” observou Mônica.

Por fim, Maurício de Sousa autografou gibis para Vital do Rêgo, que pediu dedicatória para os filhos. O parlamentar firmou compromisso na luta pela disseminação dos produtos culturais brasileiros.  “Vocês são personagens da história do Brasil. Você [Maurício] povoou os sonhos de inúmeras crianças, entre as quais me incluo até hoje. A Mônica tem uma personalidade muito forte,” afirmou o senador.

“Qual das Mônicas?” cortou o quadrinhista, puxando risadas.

Assessoria

EFEITO IMEDIATO

VÍDEO: Após protesto nas ruas, chefe da PM anuncia ações para combater o crime em São João do Rio do Peixe

AMIGO DE BRÁULIO BESSA

VÍDEO: Poeta que esteve no Encontro com Fátima Bernardes foi o convidado do Xeque-Mate da semana; VEJA!

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Pentecostal de Jerusalém

DIÁRIO ESPORTIVO

DIÁRIO ESPORTIVO: Tudo que rolou no Campeonato Brasileiro e os preparativos para o Paraibano