header top bar

section content

Morre o ator Adriano Reys. Corpo deve ser cremado

Artista lutava contra câncer no fígado e no peritônio

Por

20/11/2011 às 12h35

http://i2.r7.com/reys.jpgDivulgação

O ator Adriano Reys posa ao lado da atriz Beatriz Segall nos bastidores das gravações da novela Vale Tudo, exibida pela Globo em 1988

 

Às 9h30 deste domingo (20), o ator Adriano Reys, de 78 anos, perdeu a batalha contra um câncer no fígado e no peritônio (membrana que reveste o abdome).

A assessoria de imprensa do hospital Copa DOr, em Copacabana, zona sul do Rio, confirmou a morte do artista, que estava internado desde o dia 10 de novembro.

O corpo do ator deve ser cremado. Reys deixa mulher, Vivi Cantinho, com quem era casado havia 29 anos. Eles não tiveram filhos.

O ator começou sua carreira artística em 1953, no cinema. Na década de 60, estreou na TV, mais precisamente na novela Adeus às Armas

Ele atuou em muitas tramas de sucesso, como a primeira versão de A Viagem (1975), Éramos Seis (1977), Amor com Amor se Paga (1984), Vale Tudo – na qual foi o dono de revista Renato Filipelli – (1988) e Mulheres de Areia (1993), que está sendo reexibida na Globo atualmente.

Sua última novela foi na Record, na terceira fase da novela Mutantes, Promessas de Amor, que terminou em agosto de 2009 e na qual ele interpretou o personagem Tonho Cordeiro.

R7

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula