header top bar

section content

Irmão de Zezé de Camargo e Luciano é preso por não pagar pensão alimentícia

O cantor sertanejo Werley di Camargo, de 31 anos, irmão da dupla Zezé di Camargo e Luciano, segue preso em Belo Horizonte. Ele está detido no presídio da Gameleira, na região oeste da cidade, por ordem de dois mandados da 1º Vara de Família da Justiça de São Paulo determinando o pagamento de mais de […]

Por

12/11/2011 às 17h57

O cantor sertanejo Werley di Camargo, de 31 anos, irmão da dupla Zezé di Camargo e Luciano, segue preso em Belo Horizonte. Ele está detido no presídio da Gameleira, na região oeste da cidade, por ordem de dois mandados da 1º Vara de Família da Justiça de São Paulo determinando o pagamento de mais de R$ 100 mil de pensão alimentícia atrasada à ex-mulher.

Werley foi detido por policiais na madrugada de sexta-feira logo após uma apresentação em Nova Lima, região metropolitana de Belo Horizonte, e foi levado para a 47º Delegacia Seccional do município. No mesmo dia, o cantor foi transferido para a Gameleira, onde permanece em uma cela especial com outros 28 detentos, presos pelo mesmo motivo de Werley.

Ontem, dia de visitas, a presença do cantor despertou a atenção dos visitantes dos outros presos, que fizeram fila para pedir autógrafos. Ele mesmo não foi procurado por parentes ou amigos. Na sexta-feira, o irmão mais famoso, Zezé di Camargo, esteve em Belo Horizonte para uma apresentação com a filha Wanessa Camargo. Werley só será libertado depois da expedição de um alvará de soltura pela Justiça Paulista.

Do Paraná Online

Tags:
"TRAÍRA"

EXCLUSIVO: Rosilene rompe o silêncio, se solidariza com portais, diz estar arrependida em apoiar Amadeu na FPF e pede desculpas aos clubes

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Em Continência ao Senhor Jesus recebe os adoradores por excelência da Igreja Luz da Vida; Veja!

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na Tv recebe Guilherme Costa e Pisada do Chefe de Joca Claudino – PB; Confira!

EX-REITOR DA UFCG

VÍDEO: Thompson Mariz quer Ricardo no Senado e confirma João Azevedo para governador: “Não tem plano B”