header top bar

section content

Marizópolis: socialista nega caça aos pro-tempores

Socialista-maranhista nega caça aos pro-tempores do Estado

Por

25/03/2009 às 00h41

A candidata derrotada na eleição passada em Marizópolis, Francisca Bivânia, nega que esteja trabalhando nos bastidores junto ao deputado Leonardo Gadelha (PSB) para conseguir a demissão de servidores pro-tempores da Escola Estadual Dr. Silva Mariz que não votaram nela em 2008. Ela encaminhou nota de esclarecimento aos portais de notícias do Sertão que noticiaram a perseguição.

A presidente do PSB Municipal admite que a repercussão da notícia tem lhe trazido “desgastes desnecessários, por não condizer com a verdade”. Segundo ela, apenas o seu grupo político repassou uma lista de integrantes da Oposição para ocupação de empregos em órgãos estaduais na cidade.

Francisca também reconheceu que a autora da denúncia, Luzia Carvalho Braga, faz parte do seu núcleo familiar. “Gostaria de lembrar que Luzia é prima legitima de meu esposo, irmã de minha comadre Lúcia pessoa por quem sempre tive estima e respeito”, frisa a socialista. 

Da redação do Diário do Sertão
Com Folha do Sertão

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe o professor Sérgio Cunha divulgando o IV Open paraibano de Karatê; Confira!

CASA NOVA

Locutor esportivo troca de emissora de rádio em Cajazeiras e revela mágoa: “Tomei uma pancada violenta”

NOVIDADES

VÍDEO: Novo padre da Paróquia São João Bosco confirma que pretende revitalizar a Praça Camilo de Holanda