header top bar

section content

Em Nazarezinho: Câmara aprova pacote de mudanças

O Prefeito eleito de Nazarezinho juntamente com os antigos vereadores de oposição (Francisco de Edval e Cabo Chico) estão se saindo pior que a encomenda. “Estão provando que para eles realmente a teoria anda longe da prática e que o poder corrompe, quiçá mesmo amadores políticos que pensaram fazer política somente de garganta: apenas falar […]

Por

15/02/2009 às 17h13

O Prefeito eleito de Nazarezinho juntamente com os antigos vereadores de oposição (Francisco de Edval e Cabo Chico) estão se saindo pior que a encomenda. “Estão provando que para eles realmente a teoria anda longe da prática e que o poder corrompe, quiçá mesmo amadores políticos que pensaram fazer política somente de garganta: apenas falar mal dos gestores anteriores, criticar para se sair bem na fita e quando chegando lá o lema é fazer o mesmo ou pior que a encomenda” disse Pollyana Figueiredo do PSB de Nazarezinho, em que esteve articulando toda a matéria para derrubar os interesses unilaterais de um grupo que nunca mostraram solução mas simplesmente uma oposição por oposição.

O caso é que nessa última sexta-feira dia 13 de fevereiro, os vereadores ainda gozando férias, atenderam ao pedido do prefeito para abrir sessão extraordinária, na pauta:

· Anular aprovação do plano de cargos, carreira e remuneração dos professores da educação, bem como boicotar o aumento permitido de 2/3 do piso salarial nacional aprovado em dezembro de 2008 na gestão anterior.

· Revogando lei orgânica de 1996 (12 anos atrás), baixando o teto salarial de (712,00 para 650,00) para categoria resultando numa redução salarial de 9% .

· Mas em compensação querem aumentar em 66% o salário dos seus secretariados que está (1.000,00 para 1.660,00).

· No entanto essas três matérias foram pedidas vistas, devido muita polêmica e grande repercussão em nível estadual, pois o caso foi noticiado pela TV PARAIBA e demais veículos de comunicação do alto sertão, sendo assim aprovaram apenas;

· O parcelamento das dívidas previdenciárias junto aos servidores.

Da Redação do Diário do Sertão
Com Informações PSB
Foto: Obeabadosertão

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares