header top bar

section content

Prefeitura de Uiraúna afasta concursados atendendo determinação judicial

A decisão afeta cerca de 118 servidores aprovados no concurso e pode prejudicar atendimentos básicos. A Prefeitura através da Procuradoria do município, já deu entrada junto ao TJ com agravo judicial

Por

31/01/2009 às 10h10

src=http://cofemac.com.br/GRL_UltimasNoticias/DSC06398.JPGA Prefeitura de Uiráuna baixou na última quinta-feira(29), portaria 112/09, atendendo uma determinação do Juíz Dr. Rosini Amorim Bastos, em uma Ação Civil Pública movida pelo Ministério Público Estadual, que determinou em caráter liminar, o interrompimento de novas nomeações e o afastamento temporario dos concursados aprovados e classificados no útimo concurso público realizado pela Prefeitura.

A prefeita Dra. Glória Geane, atendeu a determinação judicial e efetuou o afastamento de todos os servidores que tomaram posse, após aprovação no concurso público , realizado pela empresa Consultec . A decisão atende a ação Civil Pública com pedido de Tutela Antecipada movida pelo MInistério Público Estadual.

A Prefeitura através da Procuradoria do município, já deu entrada junto ao Tribunal de Justiça da Paraíba com agravo judicial, contra a decisão da justiça, além de ter sido pedido também a recondireção da decisão do magistrado, que afastou 118 servidores concursados aprovados e que estavam execendo suas atividades profissionais.

Além de afastar os 118 servidores aprovados no concurso questionado pelo MP , o juiz Rosini Amorim Bastos também estabeleceu multa, diária, de dois mil reais, por pessoa, a ser cobrada da Prefeitura, em caso de descumprimento da liminar.

Segundo informações a Prefeitura poderá entrar em um caos administrativo haja visto que os servidores afastados por determinação da justiça, são servidores que atuam nas secretarias de Saúde, Educação e Infra-Estrutura, ambas com serviços essenciais para a população.

JOSELITO FEITOSA
Da Redação do Diário do Sertão

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares