header top bar

section content

Ministro garante ao senador Deca rapidez na transposição e recursos para a PB – VÍDEO

O senador paraibano foi recebido em audiência pelo ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, nesta quarta-feira (14), em Brasília

Por Jocivan Pinheiro

15/09/2016 às 12h49 • atualizado em 15/09/2016 às 12h51

O senador paraibano Deca (PSDB) foi recebido em audiência pelo ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, nesta quarta-feira (14), em Brasília. Na oportunidade, Deca destacou que “é preciso apressar a conclusão da transposição do São Francisco”.

Senador Deca é recepcionado pelo ministro da Integração Nacional, em Brasíla (Foto: Assessoria)

Senador Deca é recepcionado pelo ministro da Integração Nacional, em Brasíla (Foto: Assessoria)

Ao ministro, o senador demonstrou preocupação ao relatar a situação de colapso no abastecimento de água no Estado e foi enfático ao dizer que a situação é calamitosa.

VEJA TAMBÉM: Deca diz que se unirá a colega para garantir reitorias de universidades em Cajazeiras

Deca lembrou de forma preocupante os açudes Engenheiro Ávidos (Boqueirão de Piranhas) e Lagoa do Arroz, que estão bem abaixo de sua capacidade de armazenamento.

O ministro garantiu para o senador que o Eixo Leste, no tocante às obras físicas, estará pronto até o final de dezembro. “As empresas responsáveis por este trecho nos garantem que o eixo leste, no que diz respeito a passagem de água, até dezembro estará tudo pronto. Já o trecho Norte detém maior complexidade por ter sido detectado problemas técnicos com a empreiteira na condução dos trabalhos. Estamos fechando o modelo de contratação que vamos fazer para quem haverá de tocar este lote. Se não fosse isso nós também conseguiríamos entregar o eixo norte também este ano”, avaliou o ministro.

Saneamento e obras complementares

O senador Deca questionou o andamento das obras complementares que implica em saneamento das cidades por onde o canal passará. “É importante que estas obras de saneamento das cidades, por onde as águas deverão passar, andem na mesma velocidade da transposição”, frisou Deca.

Sobre as obras complementares, dentre elas inclui-se a vertente litorânea que se inicia no rio Paraíba e o ramal do Piancó, o ministro garantiu que o Governo Federal triplicou os valores repassados ao Governo do Estado para 15 milhões de reais a fim de impulsionar o ritmo dessas obras.

“A média do governo anterior era de 5 milhões, nós triplicamos os valores. Então, eu suponho que até o final do ano, quando a água passar nós já teremos efetivamente condições de adentrar ao estado da Paraíba com esta obra que é nossa, ou seja, recursos do Governo Federal tocados pela gestão estadual”, destacou Hélder Barbalho.

Mais recursos

Com relação às ações paralelas, chamadas de engate rápido, financiadas pelo Governo Federal via Defesa Civil, o ministro garantiu ao senador Deca que estão sendo liberados para o Estado da Paraíba aproximadamente 30 milhões de reais entre carros-pipa e obras de adutoras de engate rápido. A projeção feita por Hélder Barbalho é de que as obras sejam priorizadas e concluídas ainda neste ano de 2016.

Deca

DIÁRIO DO SERTÃO com Assessoria

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Sara Samita e Dimas Andriola

RESUMÃO DA RODADA

Diário Esportivo lista principais acontecimentos da oitava rodada do Campeonato Paraibano

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em continência ao Senhor Jesus recebe o pastor Ismar e a cantora Rafaela Amaro; CONFIRA!

INTERVIEW

Cantor de São João do Rio do Peixe fala sobre sua trajetória de sucesso e recorde de público nos shows