header top bar

section content

Inspirado em Gobira, poeta da região de CZ lança pré-candidatura a deputado federal

Roberto Maciel pretende se candidatar em 2018 e anunciou que já está conversando com a cúpula do PT de Cajazeiras

Por Jocivan Pinheiro

03/11/2016 às 14h49 • atualizado em 03/11/2016 às 15h34

Em 2014, o sapateiro Antônio Gobira surpreendeu a população de Cajazeiras ao anunciar que seria candidato a deputado federal. O que a princípio foi encarado como brincadeira, utopia, aos poucos foi ganhando corpo, apoio popular e ficou cada vez mais sério. O resultado foi que, mesmo em um partido pequeno e sem alianças (PSOL) e não conseguindo se eleger por muito pouco, Gobira obteve uma grande votação, provando que é possível em Cajazeiras uma figura simples, sem dinheiro, alcançar maior status político.

De lá para cá, o ‘fenômeno Gobira’ continha inspirando outros populares. É o caso do pedagogo e poeta Roberto Maciel, que pretende se candidatar a deputado federal em 2018. Ele anunciou que já está conversando com a cúpula do seu partido em Cajazeiras, o PT, e espera que o resultado seja favorável à sua candidatura.

Roberto conta que seu interesse é melhorar a representatividade de Cajazeiras e região em Brasília, enviando recursos e dialogando com os movimentos sociais. Um dos seus trunfos, segundo ele, seria o fato de morar na região desde que nasceu e por isso conhece as necessidades e potenciais do local.

“Eu quero fazer um mandato diferente, ouvindo a população. Uma coisa é uma pessoa que mora aqui, conhece os problemas, conhece a capacidade, outra é uma pessoa que mora em outra região e não vivencia 24 horas como eu”, exemplifica.

Ele criticou o desempenho dos deoutados federais que representam a Paraíba em Brasília e ressaltou que os mesmos sequer ouviram a população antes de votarem a favor da PEC 241.

DIÁRIO DO SERTÃO

EMPODERAMENTO

VÍDEO: Associação dos Ciclistas de Cajazeiras promove neste final de semana pedal dedicado às mulheres

OUTRO LADO

Secretário de saúde diz que verbas federais serão mantidas e que o SAMU de Cajazeiras não vai fechar

PRECONCEITO

EM CAJAZEIRAS: Gari revela que as pessoas negam água e restaurantes proíbem entrada para comprar marmita

ABANDONADO

VÍDEO: Após saber da morte da mãe, homem passa fome nas ruas de Cajazeiras e faz apelo emocionante para voltar pra casa