header top bar

section content

Liderada pelos políticos e sindicato, multidão toma ruas de CZ e a Câmara contra PEC 287

Pessoas de diversos segmentos da sociedade participaram da caminhada que percorreu as principais ruas do Centro e parou na Câmara Municipal

Por Jocivan Pinheiro

09/02/2017 às 15h11 • atualizado em 09/02/2017 às 15h19

Na manhã desta quinta-feira (09) centenas de pessoas foram às ruas de Cajazeiras para protestar contra a PEC 287, a proposta de reforma da Previdência que é chamada de ‘PEC da morte’ pelos protestantes. A mobilização foi liderada pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Cajazeiras, que considerada o homem do campo o mais afetado pelas mudanças na aposentadoria e demais auxílios da Previdência propostas pelo governo do presidente Michel Temer (PMDB).

Pessoas de diversos segmentos da sociedade participaram da caminhada que percorreu as principais ruas do Centro e parou na Câmara Municipal, onde aconteceu uma sessão especial para debater o tema e tentar mobilizar os políticos da região para que seus colegas em Brasília votem contra a PEC.

VEJA MAIS: Advogado critica PEC da Previdência e explica o impacto negativo na vida do trabalhador

Vereador Rivelino Martins discursa em carro de som ao lado do deputado estadual Jeová Campos

O prefeito José Aldemir (PP), o deputado estadual Jeová Campos (PSB) e o presidente da Fetag (Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado da Paraíba) estiveram na mobilização, bem como os vereadores de situação e oposição de Cajazeiras.

– É uma proposta absurda. Se a sociedade não reagir, já era. Ano que vem é ano de eleição. O povo precisa ir para as ruas para alertar os deputados e senadores de que se votarem, eles receberão o troco com voto contra no próximo ano, então por isso que o povo tem que ir pra rua – enfatizou o deputado Jeová Campos.

Estudantes conduzem faixa contra a PEC 287

– O que nos resta é lutar, se organizar, reivindicar os direitos dos trabalhadores que estão em risco com essa PEC que está aí para ser votada no Congresso Nacional. Eu tenho a esperança de que os doze deputados federais e três senadores [da Paraíba] possam votar contra essa medida – declarou o vereador Rivelino Martins (PSB).

Após caminhada, a mobilização continuou na Câmara de Cajazeiras

– Se a categoria dos trabalhadores não se organizar de forma disciplinada, de forma ordeira, para defender os seus direitos, as coisas vão acontecer aleatoriamente à revelia do interesse da coletividade. A Reforma da Previdência é necessária? É. Mas sempre dentro dos critérios que fortaleça a sociedade, as categorias de trabalhadores  – opinou o prefeito José Aldemir.

Protesto e sessão especial contra a PEC 287 em Cajazeiras-PB

.

DIÁRIO DO SERTÃO

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis

CADASTRAMENTO

VÍDEO: Prazo final para biometria na região de Catolé do Rocha é antecipado, e Justiça alerta eleitores

MITO DA INTERNET

VÍDEO: Fenômeno Gleyfy Brauly bate recorde de audiência no Xeque-Mate e canta sucessos no ‘imbromation’

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires