header top bar

section content

Chuvas tiram açudes da região de Coremas do volume morto após anos de seca extrema

Entre os dias 11 e 25 de fevereiro, açude Estevam Marinho teve recarga de mais de dois milhões de metros cúbicos de água

Por Jocivan Pinheiro

25/02/2017 às 18h45

As chuvas continuam banhando o Sertão paraibano. Em algumas áreas com mais intensidade e frequência. Em outras, menos. Mas suficientes para amenizar os impactos da seca, principalmente quando os reservatórios que estavam quase secos tomam essa água e saem da situação crítica.

Foi o que aconteceu com o açude Estevam Marinho, em Coremas, que já saiu do volume morto. Entre os dias 11 e 25 de fevereiro, o manancial teve recarga de mais de dois milhões de metros cúbicos de água. Hoje o seu volume é de 16.171 017,00 m³.

A barragem do açude Capivara, na cidade de Uiraúna, também começou a receber sua primeira recarga de água com as chuvas que caíram na região de Cajazeiras. Segundo informações da Cagepa, a barragem conseguiu acumular 49 centímetros em seu volume total.

VEJA MAIS: Carnaval pode ser de chuvas do litoral ao Sertão da Paraíba, prevê meteorologista

Sousa – As chuvas registradas nos primeiros dois meses de 2017 na cidade de Sousa já superam os índices pluviométricos do mesmo período no ano passado. O panorama positivo para as chuvas tem motivado agricultores a prepararem os roçados confiantes numa quadra invernosa mais regular, principalmente com a chegada das águas de março, historicamente o mês com maior pluviosidade na região. Mas apesar dos bons índices pluviométricos registrados em Sousa, persiste a preocupação com a recuperação hídrica dos açudes responsáveis pelo abastecimento de água de várias cidades da região.

Cajazeiras e Coremas – O volume atual de mananciais como Engenheiro Avidos (Boqueirão de Piranhas) e Lagoa do Arroz, em Cajazeiras, além de Coremas-Mãe D’água, em Coremas, ainda permanece praticamente nos mesmos patamares do início do ano.

DIÁRIO DO SERTÃO

ALFINETOU

VÍDEO: Aliado do prefeito destaca asfaltamento de ruas de Cajazeiras e alfineta grupo de Carlos Antonio

REVELAÇÃO

VÍDEO: Emocionado, radialista fala de dificuldades na infância e revela que ‘amigo’ lhe ofereceu drogas

VEJA

VÍDEO: Gilvan de Andrade fala de experiência no Rádio em Cajazeiras e João Pessoa

VÍDEO

Padre anuncia reforma da paróquia São João Bosco de Cajazeiras a avalia atuação do bispo