header top bar

section content

VÍDEO: Orçamento Democrático inicia as reuniões na região de Cajazeiras e plenária já tem data e local

OD é um instrumento no qual os cidadãos participam das decisões do governo estadual sobre a melhor forma de aplicação do dinheiro público em obras

Por Jocivan Pinheiro

09/01/2018 às 13h40

Os articuladores do Orçamento Democrático na região de Cajazeiras, Dayanne Crystina e Francisco Alexandre, iniciarão nesta semana as reuniões preparatórias nas 15 cidades que compõem a 9ª Regional para a plenária do OD, que acontecerá no dia 03 de fevereiro na Escola Técnica Estadual.

Sob a coordenação da Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento, Gestão e Finanças, o Orçamento Democrático é um instrumento no qual os cidadãos são convidados a participarem das decisões do governo estadual sobre a melhor forma de aplicação do dinheiro público em suas obras e serviços.

VEJA TAMBÉM: Governador autoriza obra de mais de R$ 1,5 milhão solicitada no Orçamento Democrático de Cajazeiras

Essa participação popular acontece durante plenárias realizadas em todas as regiões do estado. Nesses eventos, as pessoas votam nas prioridades de seus municípios nas quais o governo vai investir com obras. Em seguida, os cidadãos têm a oportunidade de falar com o governador Ricardo Coutinho, que marca presença em todas as plenárias para registrar os reclames e sugestões da população.

“A Paraíba deu um salto de qualidade em todas as regiões. O Orçamento Democrático nada mais é do que o povo discutindo políticas públicas para trazer melhoria de vida para a população da Paraíba”, destaca o articulador Francisco Alexandre.

DIÁRIO DO SERTÃO

ALFINETOU

VÍDEO: Aliado do prefeito destaca asfaltamento de ruas de Cajazeiras e alfineta grupo de Carlos Antonio

REVELAÇÃO

VÍDEO: Emocionado, radialista fala de dificuldades na infância e revela que ‘amigo’ lhe ofereceu drogas

VEJA

VÍDEO: Gilvan de Andrade fala de experiência no Rádio em Cajazeiras e João Pessoa

VÍDEO

Padre anuncia reforma da paróquia São João Bosco de Cajazeiras a avalia atuação do bispo