header top bar

section content

É gravíssimo o estado de saúde da criança internada com suspeita de meningite. Veja!

O exame é para ver os danos causados ao cérebro da criança caso e para que se possa confirmar a meningite.

Por

06/02/2016 às 12h45

Criança foi levada para o Hospital em Patos (foto: Patos Online)

O adolescente A.F.S, 14 anos, residente em São Bento, internado na noite desta quinta-feira, dia 04, com suspeita de meningite no Hospital Infantil Noaldo Leite, em Patos, está com estado de saúde considerado gravíssimo e corre risco iminente de morte.

A criança teve 8 paradas cardíacas durante a internação e se encontra na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Infantil. Ele está sedado, entubado e em constante monitoramento das funções cardiorrespiratórias, além de medicamentos para tentar reverter o quadro clínico que inspira cuidados permanentes na luta em prol da vida.

A.F se submeteu a uma tomografia computadorizada ao meio dia desta sexta na Clínica Radiológica de Patos. O exame é para ver os danos causados ao cérebro da criança caso e para que se possa confirmar a meningite.

Flávia Fernandes, tia da criança, disse que todos os membros da família estão rezando para que A.F.S consiga sobreviver. Bastante abalada, Flávia disse que A.F era um menino saudável até ser acometido pela doença.

Devido o risco de contaminação da bactéria, tendo em vista a possibilidade de a criança estar com meningite, a segurança com uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s) na área onde se encontra o jovem foi redobrada.

DIÁRIO DO SERTÃO com Patosonline.com

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula