header top bar

section content

Padre questiona falta de divulgação da campanha contra mosquito da Dengue em Cajazeiras (VÍDEO)

Para ele, a campanha de conscientização está tendo pouco alcance porque não está havendo aproveitamento ideal das mídias, principalmente o rádio

Por

28/01/2016 às 17h49

No Direto ao Ponto dessa semana, o padre Francivaldo Albuquerque criticou a campanha da Prefeitura de Cajazeiras contra o mosquito Aedes Aegypti (transmissor da Dengue, do Zika Vírus e da Chikungunya).

Para ele, a campanha de conscientização está tendo pouco alcance e resultado porque não está havendo aproveitamento ideal das mídias, principalmente o rádio.

VEJA TAMBÉM

► Padre elogia campanha contra mosquito em Cajazeiras, mas critica falta de divulgação

► Internautas denunciam lixão na UFCG de CZ, e padre afirma que o caso deveria dar cadeia

"O mosquito fará sociedade de monstros humanos", diz padre sobre o Zica Vírus

Pe. Francivaldo ressalta que a campanha deve objetivar principalmente a conscientização da população para a prevenção, além do combate aos focos já existentes. Mas ele afirma que não tem percebido uma divulgação em massa nas mídias.

“Uma coisa grande se faz com uma grande atitude. Pode-se iniciar uma grande campanha sem uma grande mídia? Não. Isso é um absurdo. Quem é que está impedindo que essa grande mídia entre no ar?”, questionou.

Assista ao comentário completo no vídeo acima.

DIÁRIO DO SERTÃO

NO CALDEIRÃO POLÍTICO NA TV

Advogado fala da profissão, discute política e diz que Luciano Cartaxo é favorito nas eleições de 2018

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com o Ministério de Louvor: Fonte de água da vida

SAÚDE MENTAL

VÍDEO: “Psicologia no Ar” reestreia na TV debatendo as dúvidas e estereótipos que os psicólogos carregam

ENTREVISTA

VÍDEO: Com demonstrações ao vivo, fisioterapeuta cajazeirense explica como funciona a Quiropraxia