header top bar

section content

Depois de muito calor, chove forte em Sousa e várias cidades da região. Confira as fotos!

De acordo com a Aesa, nos municípios de Sousa e Cajazeiras, a temperatura mínima é de 23º e a máxima 34

Por

07/01/2016 às 08h44

Chuva atingiu vários municípios da Paraíba (foto: Charley Garrido)

2016 iniciou com uma boa chuva para a população sertaneja nas últimas horas, depois de vários dias de muito calor no Sertão. Em Sousa, Cajazeiras e outros municípios da região a chuva chegou durante o fim da noite da quarta-feira (06) e se estendeu durante a madrugada da quinta-feira (07).

Vários municípios do Sertão e Vale do Piancó, também registraram boas chuvas e o dia amanheceu com a temperatura agradável e o céu nublado. No sítio Umari, zona rural de São João do Rio do Peixe, moradores afirmaram que choveu cerca de 100 mm, o suficiente para encher barragens na comunidade.


                                                                            Barragem sangrou no Sítio Umari (foto: Hélio)

De acordo com a Aesa, nos municípios de Sousa e Cajazeiras, a temperatura mínima é de 23º e a máxima 34. Previsão: Nebulosidade variável, com possibilidade de chuva, principalmente no final da tarde e noite.


                                                                 Templo amanheceu nublado em Sousa (foto: Samy Play)

Dados oficiais de chuvas em municípios da região de Sousa:

Sousa 45.2
Aparecida 84.7
Lastro 44.1
São Francisco 60.6
Uiraúna 44.5
Marizopolis 48.3
Sousa 45.2
Santa Cruz 28.4
São José da Lagoa Tapada 70.0

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
CASOS QUASE PERDIDOS

VÍDEO: Médico cajazeirense relata ‘milagres’ na sala de cirurgia que ‘resgataram’ pacientes da morte

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

A divindade de Cristo e do Espirito Santo é bíblica? Programa Evangélico tira dúvidas em relação ao tema

EX-POLICIAL MILITAR

VÍDEO: Antes de virar pastor, ex-policial diz que matava pessoas porque resolveu “tomar o lugar de Deus”

CRISE EMOCIONAL

VÍDEO: Programa Psicologia no Ar debate sobre ansiedade e depressão em estudantes universitários