header top bar

section content

Jovem que sustenta a família com água de coco diz que o negócio melhorou com crise

Gregório revelou que mesmo em meio à crise, as vendas aumentaram e ele vende em média 140 copos de água de coco por dia

Por

27/11/2015 às 09h01

O sol está cada vez mais quente no Sertão da Paraíba. E para aliviar o calor intenso, nada melhor do que beber água de coco de Sousa que foi apontada por pesquisas divulgadas na internet como a melhor do Brasil.

O jovem sousense, Gregório Dias, vende água de coco há quatro anos e seu ponto comercial fica em frente ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) no centro da cidade de Sousa. Ele usa um carrinho e a água de coco é despejada dentro de um armazenamento que resfria e a água sai natural e gelada para os clientes.

Em entrevista à reportagem do Portal e TV Online Diário do Sertão, nesta sexta-feira (27), Gregório revelou que logo quando iniciou o trabalho com a água de coco, vendia em média 90 copos, mas atualmente em meio à crise, as vendas aumentaram e ele vende em média 140 copinhos por dia.

"Graças a Deus eu trabalho e pago minhas contas em dia, e até quando Deus permitir eu estarei com esse negócio. Para mim não tem crise, quanto mais calor ai é que aumenta a venda", destacou.

DIÁRIO DO SERTÃO

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan