header top bar

section content

Primeira cirurgia do Sertão: após quatro anos de luta contra o câncer de mama, mulher tem seio reconstruído: ‘minha vida mudou’. Vídeo!

O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres no Brasil. A cada quatro novos casos de câncer descobertos, um é de mama

Por

16/10/2015 às 15h00

Para muitas das mulheres que enfrentam uma batalha contra o câncer de mama, o processo de tratamento e cura da doença pode ser muito traumático, especialmente quando implica a retirada do seio. São nesses casos que a reconstrução mamária entra como um suporte importante na recuperação da autoestima e saúde da paciente.

A mama é o símbolo da feminilidade, por isso, ainda existe muito medo e preconceito devido à lesão da retirada da mama. Isso faz que a autoestima delas diminua. Nesses casos, a reconstrução é essencial, porque permite manter a forma quase original do seio, ajudando a paciente a superar o sofrimento causado pela mastectomia.

O câncer de mama é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil. Só neste ano, mais de 57 mil brasileiras vão começar a travar a batalha contra esse câncer. A cada quatro novos casos de câncer descobertos, um é de mama.

Em Sousa
O Hospital Regional de Sousa realizou no (11) a primeira cirurgia de reconstrução mamária no Alto Sertão da Paraíba. A equipe que realizou a cirurgia foi comandada pelo médico cirurgião plástico Paulo José Alves e equipe hospitalar.

Leia também:

Sousense realiza cirurgia para reconstrução de mama no Hospital Regional. Veja vídeo!

De acordo com o médico, o critério de seleção para realização da cirurgia foi no ambulatório especializado e desenvolvido no próprio Hospital Regional de Sousa a partir de exames que mostraram que a paciente estaria em condições plenas de submeter ao procedimento cirúrgico.

Em entrevista à reportagem do Portal e TV Online Diário do Sertão, a sousense Rosiclê Dantas, passou quatro anos lutando contra o câncer de mama e falou sobre a cirurgia de reconstrução de sua mama. 

“Fiquei muito ansiosa de não ver a hora de chegar o dia da cirurgia. Depois da cirurgia minha vida mudou e meu projeto é voltar a trabalhar, emagrecer e mudar para melhor. Eu e família estamos muito felizes”, disse.

Rosiclê finalizou a entrevista enviando um recado para as mulheres que sofrem com o câncer de mama temem realizar a reconstrução da mama. “Não tenham medo, procurem o hospital, o procedimento é simples, só em reconstruir sua mama novamente e ficar de frente ao espelho, isso não tem preço”, destacou.

DIÁRIO DO SERTÃO

DIÁRIO ESPORTIVO

Tudo sobre as novas contratações e a preparação dos times para o Campeonato Paraibano 2018

PSICOLOGIA NO AR

VÍDEO: Psicólogos debatem comportamento do ‘stalker’ nas redes sociais e quando o amor se torna obsessão

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Batista Independente

MARIA CALADO NA TV

Com muita irreverência, banda Gata Dengosa estoura a audiência no programa Maria Calado na TV; ASSISTA!