header top bar

section content

0800: Prefeita da região de Cajazeiras realiza parceria com ANID e anuncia internet gratuita à população. Veja

O Junts é um projeto de inclusão digital da Anid e poderá ser acessado livremente - depois que o usuário preencher um cadastro online. Confira aqui!

Por

16/07/2015 às 17h00

Bonito de Santa fé terá internet gratuita parceria com ANID

O acesso gratuito e de boa qualidade à internet chega ao município de Bonito de Santa Fé, no Sertão da Paraíba, e beneficia também moradores da zona rural. A Associação Nacional para Inclusão Digital (Anid) e a Prefeitura do município vão inaugurar próximo sábado seis pontos de compartilhamento de internet em locais públicos de comunidades carentes e na zona rual – é o projeto “Junts”, da Anid. Em uma estimativa feita pela prefeita Alderi de Oliveira Caju, 5 mil pessoas poderão acessar a rede, um serviço que, anteriormente, era instável na região.

A comunidade aguarda com esperança a inauguração do “Junts” em Bonito de Santa Fé, a 484 quilômetros da capital João Pessoa. O Junts é um projeto de inclusão digital da Anid e poderá ser acessado livremente – depois que o usuário preencher um cadastro online – nos bairros Casas Populares, Antolândia, Jardim das Neves, no terminal rodoviário, na praça central Corsina Arruda e na vila rural São Luiz.

– Estamos ansiosos porque agora poderemos nos comunicar com o mundo – comemora a prefeita Alderi de Oliveira Caju. Ela destacou a importância da conexão pelos adolescentes e o quanto eles serão beneficiados. “São estudantes, estão aprendendo, fazendo pesquisas, consultado dúvidas e o acesso à rede vai fazer toda a diferença.”

Bonito de Santa Fé está perto da divisa com o Estado do Ceará, em pleno Semiárido, onde as chuvas são escassas.  Os 10.806 habitantes (IBGE 2010) ainda contam com a pouca água do açude Bartolomeu I (hoje com 24% de sua capacidade total) e na zona rural o abastecimento é feito por carro-pipa. Apesar da ausência de água ou outras riquezas, a prefeita Alderi de Oliveira falou sobre a disposição da população para o trabalho e sobre projetos que são referência nacional, como o de resíduos sólidos, que mudou a rotina da cidade. – Agora, com a internet a cidade vai avançar em tecnologia – anunciou a prefeita.

O esforço para inclusão digital é global e vem sendo mobilizado por instituições como as Organizações das Nações Unidas (ONU) e o Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI). O Fórum de Governança da Internet, que tem o apoio da ONU, discute a democratização da Internet e neste ano será realizado em João Pessoa, em novembro. O presidente da Anid, Percival Henriques, salientou que um dos tópicos a serem levantados será a inclusão do próximo bilhão de pessoas no mundo online. 

– No Brasil ainda são 100 milhões de pessoas desconectadas. Apenas 30% da população rural acessou a Internet em 2013, como mostrou a pesquisa do Comitê Gestor de Internet no Brasil. E quando nos voltamos para os que estão conectados vemos o quanto o serviço de banda larga é deficiente e sem qualidade. Esperamos mudar esse cenário – avaliou Percival Henriques.

A inauguração do “Junts” em Bonito de Santa Fé será no próximo sábado, a partir das 19 horas, na praça central Corsina Arruda.

Acesso à Internet chega à zona rural
No assentamento São Luiz, ligado ao município de Bonito de Santa Fé, cerca de 50 famílias receberão o sinal de internet com estabilidade. O secretário municipal de Agricultura e Meio Ambiente, Luiz Fernando de Lima, citou os benefícios da rede aos agricultores, que terão acesso a mais informações  e, especialmente, sobre o Cadastramento Ambiental Rural (CAR), uma exigência do governo federal.

– O CAR é feito pela Internet e todos os proprietários rurais terão que preencher. Muitas vezes os agricultores não têm informações sobre esse cadastramento e não sabem do que se trata. Pela Internet eles irão conhecer o sistema, o que irá facilitar o processo. Quando estiver completo, o CAR vai dar um panorama sobre uso do território brasileiro, áreas cultivadas, áreas de pasto e regiões degradas. Ele – explicou o secretário.

Luiz Fernando de Lime ressaltou ainda o alcance dos direitos de cidadão para quem mora longe dos centros urbanos:
– A cidade mais próxima deste assentamento é Bonito de Santa Fé, no interior do Brasil. Os agricultores não costumam acompanhar as ações da prefeitura. Mas pela Internet eles poderão acessar o nosso Portal da Transparência, os programas que a prefeitura aplica e participar mais como cidadãos das decisões comunitárias.
 
DIÁRIO DO SERTÃO com Assessoria

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares