header top bar

section content

Prefeitura de Sousa promove caminhada com usuários dos CAPS alusiva a semana de luta antimanicomial. Veja

Na sua origem, esse movimento está ligado à Reforma Sanitária Brasileira da qual resultou a criação do Sistema único de Saúde- (SUS). Confira os detalhes!

Por

20/05/2015 às 11h25

Caminhada pelas ruas de Sousa (Foto: Decom)

A Secretaria de Saúde de Sousa promoveu na manhã desta quarta-feira (20/05) uma caminhada alusiva à semana de luta antimanicomial com os usuários do Centro de Atenção Psicossocial- CAPS. A caminhada com os usuários e seus familiares teve inicio na Secretaria de Saúde, percorreu a via central da cidade com destino final no Paço Municipal, onde foi realizado palestra, debates sobre a luta antimanicomial.

O CAPS tem uma proposta diferenciada no apoio aos pacientes com transtornos mentais. Além de oferecer assistência multidisciplinar (com psicólogo, assistente social, psiquiatra e enfermeiro), oferece atendimento individual, em grupo e com as famílias, além de ações de inserção social, oficinas terapêuticas e atividades socioculturais e esportivas. O objetivo é promover a inclusão dos pacientes na família e na sociedade. 

O Movimento Antimanicomial
O Movimento Antimanicomial tem o dia 18 de maio como data de comemoração no calendário nacional brasileiro. Esta data remete ao Encontro dos Trabalhadores da Saúde Mental, ocorrido em 1987, na cidade de Bauru, no estado de São Paulo.

Na sua origem, esse movimento está ligado à Reforma Sanitária Brasileira da qual resultou a criação do Sistema único de Saúde- (SUS); está ligado também à experiência de desinstitucionalização da Psiquiatria desenvolvida na Itália nos anos 60.

Como processo decorrente deste movimento, tempos a Reforma Psiquiátrica, definida pela Lei 10216 de 2001 (lei Paulo Delgado) como diretriz de reformulação do modelo de Atenção à Saúde Mental, transferindo o foco do tratamento que se concentrava na instituição hospitalar, para uma Rede de Atenção Psicossocial, estruturada em unidades de serviços comunitários e abertos. A Lei também dispõe sobre a proteção e os direitos das pessoas com transtornos mentais.

Fonte: Decom

MERCADO NEGRO

EXCLUSIVO: Padre denuncia que Cajazeiras está repleta de ‘locadoras de armas’: “A polícia sabe” – VÍDEO!

PARABÉNS

VÍDEO: Veja a mais nova música que homenageia a cidade de Cajazeiras nos seus 154 anos de emancipação

AO VIVO

Assista ao Debate de Cajazeiras completo; vários temas foram levantados para melhorar a cidade

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor