header top bar

section content

Açude que abastece Sousa está com 9,4% do volume; radialista e professor fazem alerta à população

O volume de água na maioria dos reservatórios monitorados pela AESA, chegou à situação crítica ou de observação. Confira!

Por

02/02/2015 às 13h53

Açude de São Gonçalo está apenas com 9,4 de seu volume total (Foto: DS)

O açude de São Gonçalo que abastece a população da cidade de Sousa continua secando e atualmente está com o volume total de 9,4% de acordo com a Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (AESA).

A reportagem do Portal e TV Online Diário do Sertão, foi às ruas neste sábado (31) e perguntou o que Sousa mais precisa neste ano de 2015. O radialista sousense Levi Dantas e o professor e ex-diretor do IFPB de Sousa, Chiquinho Cicupira, responderam o que será necessário para o município enfrentar a escassez de água nos próximos dias.

De acordo com o radialista Levi Dantas, as autoridades deveriam ter construído outro açude de grande porte para servir de suporte ao manancial de São Gonçalo que está secando. “Diante dos problemas que existem na cidade, o principal é referente à água. Na década de 90, foi tema de discussão a construção do Açude de Pereiros, porém o projeto não saiu do papel. Esse é o momento de pensar na construção de um novo açude”, disse.

Ainda de acordo com Levi Dantas, a população deverá se conscientizar e não desperdiçar água. “É importante que cada um faça sua parte”, concluiu.

Já o professor Chiquinho Cicupira, falou que o momento é de alerta a todos os moradores da cidade de Sousa. “Mesmo que tenhamos um bom inverno, não será suficiente para abastecer nosso reservatório. É preocupante, é hora de buscarmos uma saída imediata para resolver esse problema”, disse.

O professor falou ainda que 2015 será um ano de grandes dificuldades em relação à falta de água na cidade de Sousa. “Todas as pessoas serão afetadas, do gestor até a pessoa mais simples, por isso que é chegada a hora de nos unirmos para encontrarmos uma saída que venha minimizar e fazer com a gente enfrente essa situação com dificuldade, mas em condições de alcançarmos 2016”, concluiu.

Assista ao vídeo com as entrevistas!

 

Açudes secando
O volume de água na maioria dos reservatórios monitorados pela AESA, chegou à situação crítica ou de observação. De acordo com dados do órgão, 72 dos 123 açudes do estado têm menos que 20% da capacidade de armazenamento. Desse total, metade, ou seja, 36 já secaram ou estão praticamente secos, com menos que 5% do volume total.

No Sertão, o recurso mineral também é escasso em Cajazeiras. A reserva de água do Açude da Lagoa do Arroz conta apenas 10,2%. O volume total do reservatório é de 80.220.750³. No Engenheiro Ávidos, outro açude da cidade, a situação ainda é pior. A barragem que comporta 255.000.000³ está 9,6% da capacidade.

DIÁRIO DO SERTÃO

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares