header top bar

section content

Ao lado da primeira dama, Governador entrega títulos de terra e autoriza obras de abastecimento d’água

Ao abrir a plenária do Orçamento Democrático Estadual em Sousa Ricardo Coutinho destacou que as plenárias representam “um choque de democracia

Por

23/03/2014 às 16h44

Ricardo Coutinho durante o Orçamento Democrático em Sousa (Foto: Diário do Sertão)

O governador Ricardo Coutinho participou, na noite deste sábado (22), em Sousa, da 49ª audiência regional do Orçamento Democrático Estadual, a segunda do ciclo 2014. Ele iniciou a plenária com a entrega de 64 títulos de regularização de imóveis através de  termo administrativo de concessão de direito real de uso; e ainda assinou a ordem de serviço para obras de abastecimento d’água no valor de R$ 1 milhão e 669 mil, e outra garantindo a reforma e manutenção da 12ª Ciretran, sediada em Sousa, obra no valor de R$ 122,4 mil.

Os recursos da ordem de serviço para implantação do abastecimento d’água são oriundos do programa Água para Todos, cujas obras beneficiarão diretamente as populações de Santa Cruz, São Francisco, Vieirópolis, São José da Lagoa Tapada, Nazarezinho, Lastro e Aparecida.

Na prestação de contas feita pelo governador Ricardo Coutinho sobre o Orçamento Democrático de 2013, os recursos aplicados em obras realizadas, em execução e planejadas somam 161,8 milhões em benefício dos 120 mil habitantes de Sousa, Aparecida, Lastro, Marizópolis, Nazarezinho, Santa Cruz, São Francisco e São José da Lagoa Tapada, municípios da 10ª Região geoadministrativa do Estado.

Ao abrir a plenária do Orçamento Democrático Estadual em Sousa Ricardo Coutinho destacou que as plenárias representam “um choque de democracia, de oportunidades, de convergência entre poder público e povo que tem todo espaço para expressar sua opinião e ao mesmo tempo ajudar a Paraíba na busca de seu desenvolvimento”. E lembrou que ele e seu secretariado já se reuniu 49 vezes com a população, de forma aberta, envolvendo mais de 100 mil pessoas. “Esse é um processo de empoderamento da população fazendo com que o povo exija mais, porém, exija melhor, é importante esse diálogo produtivo”, enfatizou.

 

Prestação de Contas – Nos R$ 161,8 milhões destinados para a região de Sousa estão incluídos R$ 15 milhões para abastecimento d’água e esgotamento sanitário (obras em andamento ou a iniciar/licitar); na área de desenvolvimento humano R$ 3,1 milhões incluindo abono natalino para 15.563 famílias; construção de 558 cisternas e reforma do CSU de Sousa. Mais 705 cisternas serão construídas.

Na educação investimentos de R$ 6,8 milhões para seis ônibus escolares, premiação de 19 escolas e 914 servidores (Escola de Valor) e 117 Mestres da Educação, dentre outras ações. Pelo Pacto Social reforma e ampliação de nove escolas na zona rural de vários municípios.

Está em andamento a reforma do estádio de futebol O Marizão, em Sousa, com recursos de R$ 2,8 milhões. Na região, os investimentos em estradas somam R$ 34,3 milhões, incluindo a Rodovia da Produção inaugurada neste sábado (22).

 

Os investimentos em habitação somam R$ 56 milhões, em parceria com o governo federal, com 612 casas construídas em Sousa; e mais 268 em construção em Sousa, 40 em  Lastro e 40 em Marizópolis.

Os recursos aplicados em saúde na 10ª região totalizam R$ 8 milhões, que incluem a aquisição de 90 leitos elétricos já em uso no Hospital Regional de Sousa.  Os investimentos em segurança pública foram no montante de R$ 2 milhões. Na área de agropecuária e pesca 1.380 famílias beneficiadas com recursos de R$ 8 milhões.

A gestora da Escola Estadual Antonio Gregório de Lacerda, em São José da Lagoa Tapada, no momento dos debates, ressaltou que a reforma da escola e os equipamentos adquiridos deixaram sua escola e as demais da região em melhores condições, graças as demandas do Orçamento Democrático que foram atendidas.

Os 1.010 participantes da audiência pública do Orçamento Democrático em Sousa priorizaram as seguintes demandas: Saúde com 238 votos; educação com 230 votos e em terceiro lugar a demanda saneamento básico com 180 votos.

 

Participaram da plenária 1.010 pessoas, além do vice-governador Rômulo Gouveia, da primeira-dama do Estado, Pâmela Bório, prefeitos, o deputado estadual Lindolfo Pires, o ex-prefeito de Sousa, João Estrela, além de diversos secretários de Estado e dirigentes de estatais.

As plenárias do ciclo 2014 do Orçamento Democrático tiveram início na sexta-feira (21) em Cajazeiras e acontecerão toda semana até o dia 24 de maio, no total de 16 audiências públicas. Nas audiências, cada pessoa participante tem a oportunidade de escolher três prioridades de investimentos, que gostaria que fossem priorizadas pelo governo em suas respectivas regiões. Após a realização de todas as audiências, as demandas eleitas são discutidas no planejamento democrático, que é o momento de diálogo entre conselheiros e os secretários de cada pasta.

DIÁRIO DO SERTÃO com Secom

PROCESSO DE MIGRAÇÃO

Diretor regional na Paraíba tira todas as dúvidas sobre abertura de novas contas dos servidores estaduais no Bradesco

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Sara Sheyla e Nelson Dantas

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview